Publicidade

Estado de Minas Crime

Polícia identifica oito agressores de adolescente espancada em Teófilo Otoni

Agressão teria sido ordenada por traficantes depois de a menor bater na própria avó, que fraturou uma costela


18/08/2020 16:55 - atualizado 18/08/2020 17:31

Mulher de 17 anos teria sido agredida por 10 homens, sendo dois menores de idade(foto: Reprodução de Vídeo)
Mulher de 17 anos teria sido agredida por 10 homens, sendo dois menores de idade (foto: Reprodução de Vídeo)
Graças a um vídeo obtido pela Polícia Civil de Teófilo Otoni, no Vale do Mucuri, foi possível esclarecer o espancamento de uma adolescente, de 17 anos. Os suspeitos são 10 homens (oito maiores de idade e dois menores). Eles serão indiciados por crimes de tortura, associação criminosa com o tráfico de drogas e corrupção de menores, mas que pode evoluir também para tentativa de homicídio.

Segundo os delegados Washington Souza Filho, regional de Teófilo Otoni, e César Cândido Júnior, responsável pelo caso, tudo começou com uma suposta agressão da menor a sua avó, já idosa, que teria quebrado uma costela.

As investigações apontaram uma interferência do tráfico de drogas, que é pesado na região do Bairro Santo Antônio, também conhecido por Taquara.

“O tráfico, por via do chefe, seria o mandante da tortura. Isso porque o ato de agredir a avó não é aceito por eles. Dessa forma, teriam agido como se fossem um tribunal. Julgando, condenando e aplicando a pena”, diz o delegado César Cândido Júnior. 

Segundo Washington Souza Filho, no vídeo da tortura foram identificadas oito pessoas, mas há indícios de outros participantes. 


“Temos dois vídeos. Em um aparece a avó, acamada, se recuperando da fratura na costela. No outro, a agressão. Agora vamos seguir investigando o caso e definir quais os crimes, se três ou quatro, para o indiciamento.”

Paradeiro da adolescente torturada


O delegado Washinton diz também que a adolescente agredida não está mais em Teófilo Otoni. Ela foi hospitalizada após o espancamento e depois levada para outra cidade, que é mantida em sigilo por questões de segurança.

 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade