Publicidade

Estado de Minas RECUPERADOS

COVID: presos de Manhumirim com sintomas da doença recebem alta

Detentos passaram por exames na semana passada depois que o jovem Lucas Morais da Trindade morreu de coronavírus, porém sem apresentar qualquer sintoma


postado em 14/07/2020 16:10 / atualizado em 14/07/2020 17:55

Presídio de Manhumirim tem capacidade para 193 presos, mas atualmente conta com 212(foto: Reprodução)
Presídio de Manhumirim tem capacidade para 193 presos, mas atualmente conta com 212 (foto: Reprodução)
 
Os 147 presos que contraíram coronavírus no sistema prisional de Manhumirim, na Zona da Mata mineira, receberam alta médica nesta terça-feira, depois de ficarem em observação e isolados. De acordo com a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp-MG), eles receberam luvas e álcool em gel e serão obrigados a usar máscaras no interior das celas para evitar novas infecções. 
 
Outros quatro detentos que receberam progressão para o regime domiciliar (com uso de tornozeleira) também não apresentam sintomas de COVID-19. Eles foram liberados para suas residências.

Na semana passada, o detento Lucas Morais da Trindade, de 28 anos, foi a primeira vítima no presídio por coronavírus. Ele morreu depois de passar mal e desmaiar dentro da cela. O laudo médico apontou que ele teve COVID-19, embora não apresentasse sintomas. O jovem cumpria cinco anos e quatro meses de reclusão por tráfico de drogas. 

O óbito está sendo investigado pela Sejusp, que vai apurar se houve falha na negligência nos cuidados com o preso ou outros fatores que possam ter motivado a morte. Desde então, todos os detentos passaram por exames de saúde.
 
A atual capacidade do sistema prisional de Manhumirim é de 193 detentos. Segundo a Defensoria Pública do estado, o presídio tem atualmente 212 presos - antes das concessões de prisão domiciliar, eram 344.  

Transparência 

Diversos familiares dos encarcerados fizeram manifestação no presídio na semana passada, exigindo informações sobre o estado de saúde de seus parentes. Sem a possibilidade de visitas, eles cobraram transparência das autoridades a respeito da situação dos infectados.
 
Até o momento, há três mortes de presos confirmadas por causa do coronavírus em Minas Gerais: no Ceresp Gameleira, em Belo Horizonte; no Presídio Inspetor José Martinho Drumond, em Ribeirão das Neves, e no Presídio Floramar, em Divinópolis. 

Prisão domiciliar 

No período de pandemia, a orientação do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) era para os juízes concedessem, sempre que possível, a prisão domiciliar, evitando. 

A Sejusp informou que iniciou em Manhumirim as visitas virtuais dos presos com seus familiares. O procedimento vem sendo implantado em todos os presídios do estado por causa da suspensão das atividades presenciais.
 

O que é o coronavírus


Coronavírus são uma grande família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus (COVID-19) foi descoberto em dezembro de 2019, na China. A doença pode causar infecções com sintomas inicialmente semelhantes aos resfriados ou gripes leves, mas com risco de se agravarem, podendo resultar em morte.
Vídeo: Por que você não deve espalhar tudo que recebe no Whatsapp

Como a COVID-19 é transmitida? 

A transmissão dos coronavírus costuma ocorrer pelo ar ou por contato pessoal com secreções contaminadas, como gotículas de saliva, espirro, tosse, catarro, contato pessoal próximo, como toque ou aperto de mão, contato com objetos ou superfícies contaminadas, seguido de contato com a boca, nariz ou olhos.

Vídeo: Pessoas sem sintomas transmitem o coronavírus?


Como se prevenir?

A recomendação é evitar aglomerações, ficar longe de quem apresenta sintomas de infecção respiratória, lavar as mãos com frequência, tossir com o antebraço em frente à boca e frequentemente fazer o uso de água e sabão para lavar as mãos ou álcool em gel após ter contato com superfícies e pessoas. Em casa, tome cuidados extras contra a COVID-19.
Vídeo: Flexibilização do isolamento não é 'liberou geral'; saiba por quê

Quais os sintomas do coronavírus?

Confira os principais sintomas das pessoas infectadas pela COVID-19:

  • Febre
  • Tosse
  • Falta de ar e dificuldade para respirar
  • Problemas gástricos
  • Diarreia

Em casos graves, as vítimas apresentam:

  • Pneumonia
  • Síndrome respiratória aguda severa
  • Insuficiência renal
Os tipos de sintomas para COVID-19 aumentam a cada semana conforme os pesquisadores avançam na identificação do comportamento do vírus. 

Vídeo explica por que você deve 'aprender a tossir'


Mitos e verdades sobre o vírus

Nas redes sociais, a propagação da COVID-19 espalhou também boatos sobre como o vírus Sars-CoV-2 é transmitido. E outras dúvidas foram surgindo: O álcool em gel é capaz de matar o vírus? O coronavírus é letal em um nível preocupante? Uma pessoa infectada pode contaminar várias outras? A epidemia vai matar milhares de brasileiros, pois o SUS não teria condições de atender a todos? Fizemos uma reportagem com um médico especialista em infectologia e ele explica todos os mitos e verdades sobre o coronavírus.

Coronavírus e atividades ao ar livre: vídeo mostra o que diz a ciência

Para saber mais sobre o coronavírus, leia também:

 



receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade