Publicidade

Estado de Minas

Chuva forte derruba estátua de Cristo e provoca estragos no Norte de Minas

Bombeiros também atendem ocorrências de queda de árvores em Buritizeiro e Pirapora


postado em 29/10/2018 15:22 / atualizado em 29/10/2018 18:10

Estátua de Cristo em Buritizeiro, no Norte de Minas(foto: Whatsapp/Reprodução)
Estátua de Cristo em Buritizeiro, no Norte de Minas (foto: Whatsapp/Reprodução)
Uma chuva acompanhada de vento forte e raios, provocou muitos danos em Pirapora e Buritizeiro, no Norte de Minas, na tarde desta segunda-feira.  O temporal durou cerca de 45 minutos.  O Corpo de Bombeiros de Pirapora informou que recebeu mais de 30 chamadas e as equipes continuam nas ruas. Até agora, não houve registros de vítimas. Várias casas foram detalhadas e árvores  frondosas foram arrancadas pela raiz.

As duas cidades são situadas lado a lado, separadas pelo Rio São Francisco. A chuva danificou a imagem do Cristo Redentor, situada na Praça dos Pescadores, em Buritizeiro. Devido à velocidade do vento, a imagem, que tinha em cerca oito metros de altura, ficou dobrada. A Polícia Militar (PM) de Buritizeiro, informou que também há pontos de alagamento e casas destelhadas na cidade.

Do lado de Pirapora, houve vários danos na orla em frente ao Velho Chico. Uma árvore foi derrubada pelo vento e caiu em cima de um carro que estava estacionado no local, que ficou parcialmente destruído. Por sorte, não tinha ocupantes no veículo e ninguém se feriu. Um bar em frente à Praça Cariris também foi detalhado, também sem vítimas.

Whatsapp/Reprodução
Whatsapp/Reprodução

O Centro de Convenções de Pirapora também sofreu danos. Ali perto, o muro de uma casa foi derrubado. Além disso, uma enorme árvore caiu em frente à Igreja de Bom Jesus, prejudicando o trânsito. Bombeiros trabalham no local.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, a forte ventania em Pirapora destelhou creches, causou queda de árvores em cima de automóveis e a rede elétrica também foi comprometida. Os bombeiros trabalham em conjunto com a Defesa Civil para medidas de prevenção e corte das árvores que estão em cima das casas e carros.

Testemunhas contaram ao EM, que próximo à rodoviária de Pirapora, a chuva forte derrubou o telhado de um prédio em frente ao terminal, arrancou placas das ruas, e um coqueiro caiu em uma praça próximo ao local. Muitos galhos também estão caídos nas ruas. 

De acordo com o Instituto Nacional de Metereologia (Inmet), em apenas 1 hora de chuva, foram registrados 22 milímetros de água nas cidades de Buritizeiro e Pirapora. Além disso, a velocidade do vento durante a tempestade chegou a 63 quilômetros por hora.

* A estagiária está sob supervisão da subeditora Ellen Cristie 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade