Publicidade

Estado de Minas

BHTrans vai cancelar multas de quem entrou na pista para ônibus da Avenida Vilarinho

Medida é válida para motoristas flagrados entre 24 de junho e 6 de agosto. Liberação das faixas exclusivas aos fins de semana confundiu motoristas em BH


postado em 09/08/2017 12:38 / atualizado em 09/08/2017 12:47

BHTrans instalou faixas na avenida informando que nela a circulação é proibida(foto: BHTrans/Divulgação)
BHTrans instalou faixas na avenida informando que nela a circulação é proibida (foto: BHTrans/Divulgação)
A BHTrans anunciou, nesta quarta-feira, que vai cancelar as multas por invasão de faixa de ônibus na Avenida Vilarinho, na Região de Venda Nova. Ontem, a reportagem do Estado de Minas mostrou que a liberação das pistas exclusivas para outros veículos, em fase de testes, ainda confunde os motoristas na capital. Alguns achavam que a liberação valia para toda a cidade e estão sendo multados. Um único condutor denunciou ter tomado seis multas em dois dias na Vilarinho, o que significa que ele perderia a carteira caso as infrações fossem mantidas, além de ter de pagar R$ 1,7 mil. A própria BHTrans reforçou a sinalização na avenida, esclarecendo a proibição após a confusão inicial, e já admitia a possibilidade de rever as punições.

De acordo com a BHTrans, agentes monitoram e avaliam as faixas liberadas e as pistas/faixas que não estão liberadas desde o início dos testes, em 24 de junho. “Constatou-se que alguns motoristas transitaram, talvez por engano, nas faixas exclusivas da Avenida Vilarinho. Diante disso, a Secretaria de Serviços Urbanos, por meio da BHTrans, vai cancelar as notificações realizadas pelos equipamentos de fiscalização eletrônica de invasão de faixa de ônibus na Avenida Vilarinho no período entre 24/6/2017 e 6/8/2017. Depois deste período estarão valendo as autuações”, detalha a empresa de trânsito. A empresa implantou faixas Vilarinho reforçando a proibição.

A confirmação veio por meio de uma nota enviada pela BHTrans reforçando o alerta sobre o uso das faixas exclusivas para ônibus em ruas e avenidas de Belo Horizonte. “A liberação para o tráfego de todo tipo de veículo nos fins de semana é apenas nas faixas exclusivas dos ônibus. Nas pistas/faixas dos corredores do Move, incluindo o trecho da Avenida Vilarinho, a proibição continua”, explica.

Segundo a empresa, o superintendente de operações da BHTrans, Fernando Pessoa, informou que os testes de liberação das faixas exclusivas de ônibus acontecem em função da demanda menor dos ônibus nos fins de semana.  Durante os testes, a equipe vai monitorar e avaliar as condições de segurança dos veículos que acessam as faixas liberadas e o impacto no embarque e desembarque de passageiros do transporte coletivo.

Motoristas se confundem e invadem faixas na Avenida Vilarinho(foto: Paulo Filgueiras/EM/DA Press)
Motoristas se confundem e invadem faixas na Avenida Vilarinho (foto: Paulo Filgueiras/EM/DA Press)
Carros, motocicletas e caminhões podem transitar nas faixas exclusivas aos sábados, a partir das 14h, e aos domingos e feriados durante o dia todo. Os testes vão durar 90 dias, segundo o Diário Oficial do Município (DOM). Veja a lista das faixas exclusivas liberadas para trânsito misto aos fins de semana:
 
- Avenida Augusto de Lima, entre Rua Curitiba e Avenida João Pinheiro, neste sentido;
- Avenida Augusto de Lima, entre Avenida João Pinheiro e Rua São Paulo, neste sentido;
- Avenida Cristiano Machado, entre Anel Rodoviário e Avenida Vilarinho;
- Avenida Dom Pedro II em toda sua extensão;
- Avenida Nossa Senhora do Carmo, entre Rua Valparaíso e Avenida do Contorno, neste sentido;
- Avenida Nossa Senhora do Carmo, entre Rua Outono e Rua Valparaíso, neste sentido;
- Avenida Pres. Carlos Luz, em toda a sua extensão;
- Avenida Prof. Alfredo Balena, entre Rua Padre Rolim e Praça Hugo Werneck, neste sentido;
- Avenida Prof. Alfredo Balena, entre Praça Hugo Werneck e Rua Pernambuco, neste sentido;
- Rua Goiás;
- Rua Padre Belchior, entre Avenida Amazonas e Rua Curitiba, neste sentido;
- Rua Padre Belchior, entre Rua São Paulo e Rua Curitiba, neste sentido;
- Avenida João Pinheiro, entre Rua dos Guajajaras e Rua Goiás, neste sentido.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade