UAI
Publicidade

Estado de Minas FERTILIZANTES

Guedes: governo planeja reduzir impostos caso a guerra se agrave

O ministro da Economia afirmou que há planos para eliminar todos os tributos que envolvem a cadeia de fertilizantes


11/03/2022 17:20

Plantação
O governo planeja reduzir tributos como parte do Plano Nacional de Fertilizantes para estimular o setor (foto: Rodrigo Nunes/Esp.CB/D.A Press)
Em coletiva de imprensa após o lançamento do Plano Nacional de Fertilizantes, nesta sexta-feira (11/3), o ministro da economia, Paulo Guedes, afirmou que caso a guerra entre Rússia e Ucrânia se agrave, os impostos poderão ser zerados. Segundo ele, o governo planeja reduzir tributos como parte do PNF para estimular o setor.

 

 


"Nós estaremos monitorando isso e prontos para reagir na velocidade necessária. Modulação da resposta é o nosso acompanhamento", afirmou Guedes.

O ministro pontuou, na coletiva, que há planos para eliminar todos os impostos que envolvem essa cadeia, além de facilitar a importação de máquinas e equipamentos e a concessão de crédito. "Há diretrizes no plano nessa dimensão tributária", afirmou o ministro. "A gente não consegue industrializar e aprofundar essa cadeia produtiva exatamente por causa dos impostos", justificou.

Segundo Guedes, se a guerra no leste europeu acabar amanhã, a programação é de longo prazo. "Se a guerra se agudizar, tem que zerar o imposto já. Essa modulação da resposta é um acompanhamento que estamos fazendo", comentou.

O chefe da pasta da Economia apontou ainda que a alta de preço de fertilizantes após o conflito entre Rússia e Ucrânia gera inflação. De acordo com ele, a alta do petróleo gera impacto imediato sobre os preços de produtos. "O preço do petróleo tem impacto instantâneo no preço dos transportes, daí a esperança de que a guerra retroceda", afirmou.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade