UAI
Publicidade

Estado de Minas CASA PRÓPRIA

Feira de Imóveis terá lançamentos de R$ 63 mil a R$ 1 milhão, em Passos

Evento acontece de 8 a 11 de dezembro, no Parque de Exposições da cidade, e espera negociar mais do que a primeira edição, que vendeu R$ 27 milhões


12/11/2021 16:33 - atualizado 12/11/2021 16:41

Chaves e chaveiro em formato de casa
Em 2019, dois mil compradores passaram pelos estandes da Feira de Imóveis, número que pode deve crescer este ano (foto: Shahid Abdullah/Pixabay)
Passos, no Sudoeste Mineiro, terá a sua segunda edição da Feira de Imóveis, que acontece entre 8 e 11 de dezembro, no Parque de Exposições Adolpho Coelho Lemos, com apoio da Caixa Econômica Federal.

Em 2019, a feira esperava negócios de R$ 10 milhões e negociou R$ 27 milhões. A expectativa é de superar esse número, já que em 2020 não houve a feira em razão da pandemia.

Nesta edição, haverá oferta de imóveis mais populares, com preços a partir de R$ 63 mil, e mais luxuosos, com valores próximos a R$ 1 milhão.
 
“Em 2019, realizamos o primeiro evento, com a presença de imobiliárias, loteadoras, construtoras, empresas de construção civil e Caixa Econômica Federal. Tivemos um resultado geral de R$ 27 milhões em vendas durante três dias, sendo R$ 13 milhões por financiamento Caixa, R$ 1 milhão à vista e R$ 13 milhões em vendas financiadas direto com as construtoras e loteadoras”, disse Marcos Junior, organizador do evento.

“Certamente, vamos superar em pelo menos 10% a 20% o volume anterior. Se tivermos o lançamento de um loteamento fechado de alto padrão, que depende de liberação do Cartório de Registro de Imóveis, levaremos nossa meta a R$ 50 milhões”, conta, otimista.
Marcos diz que tem a expectativa de superar o primeiro evento e para isso conta com pelo menos 8 empreendimentos durante a feira, em sua maioria condomínios verticais, que é uma nova tendência para o município, e lançamento e apresentações de projetos de loteamentos abertos e fechados para os públicos de todas as rendas.
 
No caso de loteamentos, a Feira de Imóveis terá ofertas de produtos populares a partir de R$ 63 mil, com parcelas de R$ 589. Quem estiver em busca de um imóvel para morar, alugar ou investir dinheiro terá a possibilidade de lançamento de condomínios fechados, de alto padrão, com lazer completo.

“Acreditamos que o sucesso da feira passa pelo momento de retomada da economia, com maior geração de empregos e renda, culminando numa alta demanda de imóveis para todas as categorias”, disse Marcos.
 
Estrutura
 
Nos quatro dias do evento, um caminhão da Caixa ficará no parque, com toda a estrutura gerencial para fechar negócios.

O gerente da Caixa em Passos, Márcio Oliveira Lemos, disse que a expectativa é das melhores e pretende superar a primeira feira.
 
Ele lembrou que a Caixa possui vários tipos de financiamentos à disposição de quem quer adquirir um imóvel na feira: o SBPE, com recursos oriundos da poupança, modalidade a partir dos juros da poupança, com 3.15% ao ano mais a variação da poupança; o IPCA, caso o cliente faça a opção pelo indexador da inflação a partir de 4,75% ao ano mais o IPCA; o mais tradicional, corrigido pela TR, SAC (Sistema de Amortização Constante), taxa a partir de 7,6% ao ano, e, por fim, a taxa pré-fixada, que hoje ainda pode ser contratada a 9,15% ao ano.

“Temos a novidade Habite Seguro, para o pessoal da área de Segurança Pública, taxa indexada à poupança, de 2,85% ao ano”, completou.
 
 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade