Publicidade

Estado de Minas AUMENTO ANUAL

Governo autoriza reajuste de até 4,88% nos preços de remédios

Em 2020 o reajuste foi adiado, este ano a CMED antecipou o aumento


15/03/2021 10:37 - atualizado 15/03/2021 14:52

Em 2020, o reajuste anual foi adiado por 60 dias(foto: Ramon Lisboa/EM/D.A Press)
Em 2020, o reajuste anual foi adiado por 60 dias (foto: Ramon Lisboa/EM/D.A Press)
O governo federal autorizou nesta segunda-feira (15/3) reajuste de até 4,88% nos preços de medicamentos para 2021. O aval para o aumento está publicado no Diário Oficial da União (DOU) de hoje, quinze dias antes da data regular, que habitualmente se dá em 31 de março de cada ano.
  
As decisões de reajuste nos preços dos medicamentos são controladas pelo Comitê Técnico-Executivo da CMED. Eles estabelecem o aumento máximo que esses produtos podem atingir no mercado brasileiro anualmente. Em uma reunião na sexta-feira (12/3), ficou decidido o novo aumento.

Na resolução da CMED, é estabelecido que os preços devem ser modificados a partir de 31 de março. Em 2020, devido à pandemia de COVID-19, o governo federal decidiu prorrogar por 60 dias o aumento e em junho, foi aprovado o reajuste de até 5,21%.

Para a vice-presidente do Conselho Regional de Farmácia (CRF-MG), Márcia Alfenas, durante a pandemia o governo deveria congelar o preço dos medicamentos.

“Ano passado conseguimos esta ajuda para segurar o preço, mas poderia não ter o aumento e tirar os impostos de medicamentos porque é um bem essencial, principalmente o ICMS [Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços], que é o mais caro. Os remédios iriam ficar mais acessíveis, poderia ter esta sensibilidade do governo”, afirmou.

No entanto, este ano além de um novo aumento, também surpreendeu com a antecipação da data. 15 dias antes do esperado, os medicamentos podem ficar até 4,88% mais caros.

A lista completa de todos os remédios com preço máximo permitido estão disponíveis no site oficial da Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (CMED)


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade