Publicidade

Estado de Minas FAKE?

Bolsonaro critica ex-presidente da Petrobras:" Sem trabalhar há 11 meses"

Em conversa com apoiadores, na porta do palácio da Alvorada, Bolsonaro criticou Roberto Castello Branco por trabalhar em home office


22/02/2021 12:03 - atualizado 22/02/2021 12:20

Roberto Castello Branco(foto: Fotos Públicas)
Roberto Castello Branco (foto: Fotos Públicas)

Longe dos olhos da imprensa, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) criticou o ex-presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, em conversa com apoiadores na porta do Palácio da Alvorada (residência oficial da Presidência da República), nesta segunda-feira (22/02) .

De acordo com Bolsonaro, Castello Branco “está há 11 meses em casa sem trabalhar” - na verdade, o ex-presidente da Petrobras, por ser idoso, trabalhava em home office, devido à pandemia do novo coronavírus.

"O atual presidente da Petrobras está há 11 meses em casa, sem trabalhar. Trabalha de forma remota. Agora o chefe tem que tá na frente, bem como seus diretores. Então isso pra mim é inadmissível", disse. "Ninguém quer perseguir servidor, muito pelo contrário, temos que valorizar os servidores, agora, o petróleo é nosso ou é de um pequeno grupo no Brasil? Ninguém vai interferir na política de preços da Petrobras", afirmou Bolsonaro.

Troca de presidente

Na sexta-feira passada (19/02) à noite, Bolsonaro anunciou o general Joaquim Silva e Luna para presidir a Petrobras em substituição a Castello Branco. O ato repercutiu todo o fim de semana entre políticos  e empresariado em geral.

Nesta segunda-feira (22/ 02), o dólar abriu o dia em disparada, a Bolsa, em queda e as ações da Petrobras “derreteram” com desvalorização de 20%.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade