Publicidade

Estado de Minas PRESENTE NA PANDEMIA

Compras para o Natal aquecem o comércio em Belo Horizonte

Pesquisa da CDL/BH revela crescimento de 25% nas vendas do varejo na capital na semana do Natal


23/12/2020 10:34 - atualizado 23/12/2020 11:51

Movimento no Centro de BH para as compras do Natal(foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A Press)
Movimento no Centro de BH para as compras do Natal (foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A Press)

A pandemia não intimidou muita gente que não vai deixar de presentear nesse Natal. Em Belo Horizonte, levantamento da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL/BH), realizado entre esta segunda-feira (21/12) e terça-feira (22/12), confirma que as vendas estão aquecidas na capital, em um movimento que vem sendo observado desde o início da semana.

Entre os comerciantes, 25% observaram fluxo de clientes mais intenso nos últimos dias, tendência que deve se manter até esta quinta-feira (24/12), véspera de Natal.

A oferta de produtos em promoção é a opção para 59,6% dos lojistas como alternativa para estimular as vendas. O presidente da CDL/BH, Marcelo de Souza e Silva, lembra que os consumidores estão à procura de preços atrativos. "Percebendo isso, os comerciantes da capital estão oferecendo descontos e atendimento de qualidade para atrair esse cliente", comenta.

Leia também: Trânsito fica parado em BH na semana do Natal. Veja pontos críticos


O pagamento à vista no cartão de crédito é a modalidade principal escolhida pelos consumidores em BH em 2020 - representa, conforme os empresários, 39,5% na opção dos clientes. Em seguida, o pagamento parcelado no cartão de crédito é a opção para 38,5% do público, sendo a quitação em três parcelas a mais comum neste ano. Depois, o cartão de débito (12,5%) e dinheiro (9,5%).

Além de valores mais acessíveis, a pesquisa da CDL/BH aponta que oferecer um atendimento de qualidade é mais uma questão que reflete na preferência do consumidor por determinada loja. "Um bom serviço prestado garante não somente a satisfação do cliente, mas a fidelidade do público", diz Marcelo Souza e Silva.

No mesmo caminho, outro diferencial que está influenciando nas decisões de compra são as medidas de prevenção quanto ao coronavírus. Clientes têm se incomodado com lojas muito cheias. Está concretizada a tendência antecipada pela CDL/BH em setembro. "Uma loja que oferece um ambiente seguro, higienizado, bem sinalizado e que respeita o limite de ocupação, certamente terá mais sucesso em suas vendas. O consumidor também está priorizando a sensação de segurança para sua saúde", analisa o presidente.


Vendas no varejo de BH crescem 25% na semana do Natal (foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A Press)
Vendas no varejo de BH crescem 25% na semana do Natal (foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A Press)

Ainda que as compras pela internet tenham ganhado impulso com o isolamento social, a loja física continua sendo o local predileto entre os consumidores para completar a lista de presentes. "É importante que o empresário conecte as informações entre os canais, de forma que o cliente tenha uma experiência integrada e com menos atrito possível", orienta Marcelo Souza e Silva.

A entidade divulga algumas dicas para os empresários neste Natal: motivar a equipe, conversar com o cliente e escutá-lo, personalizar o atendimento, tornar o atendimento ágil, oferecer conforto e higienizar o ambiente. Tudo para melhorar a experiência de compra do consumidor.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade