Publicidade

Estado de Minas AUTOCUIDADO

Proteger a pele é essencial para a saúde e bem-estar

O maior órgão do corpo não só tem função de barreira, mas de regulação térmica, imunológica, sensorial e secretora


postado em 12/07/2020 04:00 / atualizado em 09/07/2020 14:53

(foto: Alexandr Ivanov/Pixabay )
(foto: Alexandr Ivanov/Pixabay )


A rotina de cuidados com a pele é garantia não só de beleza, aspecto saudável e bem-estar, mas certamente de atenção com a saúde. A médica dermatologista Lilian Odo, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica (SBCD) e da Academia Americana de Dermatologia (AAD), explica que embora existam diversas classificações para os tipos de pele, desde seca a oleosa, jovem ou madura, entre outras, é importante ressaltar que cada pele é única e desempenha não apenas a função de barreira, mas também de regulação térmica, imunológica, sensorial e secretora. Então, imagine a complexa rede interligada de células, estruturas e substâncias que precisam estar em pleno compasso e harmonia para a saúde cutânea. O importante é conhecer o seu tipo de pele e como ela reage.

Para exemplificar, Lilian Odo destaca que existe pele madura oleosa e com acne, pele jovem seca e alérgica, ou seja, inúmeras combinações que necessitam de cuidados específicos para cada um. De modo geral, os cuidados básicos para a saúde da pele seriam: higienizar, manter a camada hidrolipídica intacta e proteger contra agentes externos nocivos, evitando a formação dos radicais livres, inflamações e até degenerações. Em outras palavras, limpeza gentil, hidratação associada às substâncias ativas antioxidantes e protetor solar com o efeito barreira e antipoluição. Mas nada adianta se não tiver alimentação e hábitos saudáveis, já que a saúde da pele depende do equilíbrio funcional de todo o organismo, incluindo a mente.



A dermatologista é totalmente contra as receitas caseiras pelo risco de contaminação, proliferação de micro-organismos, alergias, irritações ou reação ao sol (queimadura com limão, por exemplo). “O produto industrializado ou manipulado apresenta substâncias químicas e, sim, também pode dar reação. Mas ele é idealizado por químicos, farmacêuticos e cientistas que entendem sobre a compatibilidade dos ativos certificados, as concentrações seguras e de uso adequado para cosméticos. Além disso, para serem comercializados, é necessário registro em órgãos de vigilância sanitária e, muitas vezes, passam por testes pré-clínicos e clínicos para ratificar a segurança, eficácia e estabilidade do produto final.”
 
 
Dermatologista Lilian Odo diz que a saúde da pele depende do equilíbrio funcional de todo o organismo, incluindo a mente(foto: Arquivo Pessoal )
Dermatologista Lilian Odo diz que a saúde da pele depende do equilíbrio funcional de todo o organismo, incluindo a mente (foto: Arquivo Pessoal )
 

A correta sequência, com sagrados minutos, é um foco no bem-estar, esquecendo os problemas externos e gerando tranquilidade à mente

Lilian Odo, dermatologista
 

 
MULHERES ORIENTAIS 


Uma das peles mais desejadas no mundo é as das orientais, apontadas como “impecáveis”. Para alcançar e manter a tão desejada “pele de pêssego”, elas têm um ritual conhecido como método de limpeza 4-2-4, que abrange uma rotina rígida somada a uma ideologia que resulta em benefícios para todo o corpo. Lilian Odo revela as fases desse processo e explica o que é esse método, um sistema que começa com a aplicação de um óleo, seguido de massagem.

“A correta sequência, com sagrados minutos, é um foco no bem-estar, esquecendo os problemas externos e gerando tranquilidade à mente. A própria massagem facial traz uma prazerosa sensação de relaxamento. Não é necessário fazer todas as noites para se beneficiar dos resultados. Com o mínimo de quatro vezes por semana já se alcança o objetivo.”



receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade