Publicidade

Estado de Minas MARKETING

A pesquisa de marketing como um instrumento de contato real com o mercado

Muitas empresas ainda desconhecem as técnicas de pesquisa de marketing e a importância da sua prática para apoiar tomada de decisões


29/05/2022 06:00 - atualizado 29/05/2022 10:39

ilustração de marketing
(foto: Public Domain Pictures )


Muitas ações de marketing ainda são praticadas sem o devido e possível apoio da pesquisa de marketing. Seja por desconhecimento dessa ferramenta, por insegurança para lidar com as suas metodologias, ou até mesmo por crenças erradas sobre a sua aplicação, a pesquisa de mercado, ou de marketing não tem o seu potencial de apoio a gestão devidamente utilizados.
 

Há um "manto" que cobre os verdadeiros benefícios da pesquisa. Este tema sempre é conversado de forma superficial em diversas organizações, principalmente nas empresas de porte médio e pequeno. Há alguns mitos, tais quais: a pesquisa é uma coisa fora dos poderes de utilização da empresa, o preço é muito alto, o sentimento e experiência de mercado valem mais do que a aplicação de pesquisas, o próprio dia a dia oferece para as organizações tudo o que elas precisam em termos de informações sobre o seu público.

É preciso ter consciência de que o ponto de vista dos gestores de mercado sobre a sua empresa, não é a mesma coisa do que o ponto de vista dos clientes ou potenciais clientes. 

A pesquisa de marketing é a forma de se estabelecer um diálogo constante e verdadeiro com a realidade. É fundamental para as empresas irem a campo e descobrir o que realmente acontece com os seus públicos e seus concorrentes para poderem fazer adequações em suas táticas, operações e em alguns casos em suas estratégias.

Para maior segurança é preciso colocar frente a frente, o que a empresa acha, e o que realmente acontece. A pesquisa tem o papel de colocar frente a frente, o que  se pensa, e o que realmente acontece. 

A pesquisa tem o objetivo de encontrar uma resposta para um problema de marketing. Além disso, tem, também, outro papel fundamental, que é conhecer o modo de atuação dos concorrentes. Ela deve ser um instrumento constante, algo que se precisa ter nas mãos para tomar as decisões. Uma forma interessante de entender o seu papel é passar a vê-la como a geradora de informações  que trazem conhecimentos reais sobre o mercado.  

É um grande risco tomar decisões de caráter estratégico e tático, com base em dados perdidos, informações sem a devida base científica. Deveriam as empresas investir mais nos projetos que são desenvolvidos, baseados em metodologias específicas. 

A pesquisa oferece essencialmente informações determinantes, tais como conhecer o mercado, reconhecer os clientes atuais, explorar o perfil dos clientes futuros, conhecer os concorrentes, identificar necessidades em relação aos produtos tangíveis e intangíveis, definir momentos de atuação de "ataque" ao mercado, e além dessas, quaisquer outras, que sejam objeto de preocupação da empresa. As pesquisas são intermináveis, tanto no que podem gerar de informações de mercado, quanto de metodologias. Mas, as organizações precisam conhecer tudo isto.

Impressiona-me como predomina o "achismo" nos novos empreendimentos, nas mudanças de público-alvo a ser trabalhado, nas análises de movimentações de market-share, na renovação de portfólio, na modernização de táticas de relacionamento com os clientes. Tomar essas decisões com base em pesquisa de marketing reduziria de forma marcante os erros que se cometem ao fazer isto, baseado na velha experiência.

Termos tais como  pesquisas qualitativas e quantitativas; dados primários e secundários; aplicação de questionários; perguntas através de telefone; pesquisa em profundidade; pesquisa exploratória ou descritiva; métodos de observação; pesquisa causal, e vários outros métodos e tipos, precisam estar permeados no marketing das empresas e fazer parte do seu linguajar constante. 

Nunca a pesquisa de marketing se mostrou tão importante para o sucesso das organizações. Coloque a sua empresa dentro deste mundo, e transforme suas decisões em algo muito bem embasado.

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade