Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas MARKETING E NEGÓCIOS

A importância de praticar marketing de relacionamento e buscar fidelização

As empresas para crescerem e sobreviverem precisam desenvolver estratégias para atrair, relacionar e atingir um grau maior de fidelidade dos seus clientes


09/05/2021 06:00

É fundamental levar os clientes ao processo constante e evolutivo de satisfação em relação ao produto ou serviço(foto: PxHere)
É fundamental levar os clientes ao processo constante e evolutivo de satisfação em relação ao produto ou serviço (foto: PxHere)


Muito se fala sobre a qualidade do atendimento aos clientes nas organizações. Ainda há muito o que fazer na grande parte delas, pois, diversas ações são de curta duração e sem a necessária capacidade de envolver e atrair os clientes por longo prazo.     

Torna-se cada vez mais marcante a necessidade da implementação de planos de marketing de relacionamento criteriosos e eficazes .

Somente se consegue uma repetição de compras pelos clientes quando este percebe que ao se relacionar com a empresa, ele teve os seus problemas resolvidos, criando assim um sentimento inicial de confiança

É preciso que as organizações conheçam pormenorizadamente o perfil de seus clientes e busquem fazer as devidas adaptações em seus produtos, serviços e modo de relacionamento.

A aplicação do marketing de relacionamento tem o objetivo de construir uma relação sólida com o seu público-alvo. É preciso neste sentido, fazer muito mais do que vender um produto, é fundamental encantar e desenvolver mais ações capazes de facilitar o processo de fidelização.

Clientes fiéis são muito mais lucrativos. Todos os esforços de marketing devem ser desenvolvidos para encantar e fazê-los se sentirem naturalmente motivados a comprar muitas vezes na organização.

Gosto de lembrar sempre que clientes fiéis são mais lucrativos porque já têm uma predisposição de compra repetida, exigem muito menor custo e investimento de marketing, pois, não demandam tantos esforços da empresa, visto que eles já lhe dão a preferência quando precisam de produtos ou serviços.

Todos os esforços de relacionamento com o público-alvo são direcionados para os clientes já conquistados. Desta forma, a empresa pode estudar os seus comportamentos de compras, suas preferências e desenvolver táticas capazes de mantê-los ainda mais satisfeitos e, consequentemente, tê-los por longo prazo em sua carteira.

É preciso lembrar que para se ter um bom domínio do perfil dos clientes, as empresas devem também, como base fundamental, criar um banco de dados sobre eles, podendo assim fazer um detalhamento dos perfis e dos comportamentos de compras dos grupos de consumidores.

Para desenvolver um bom trabalho de fidelização algumas ações e posturas são fundamentais. É preciso entregar o melhor possível aos clientes. Todos os pontos de contato com as pessoas precisam ser positivos, transmitir confiança e despertar o seu interesse. É básico saber conversar com os clientes e, principalmente, ter a capacidade de ouvi-los, e entender as suas expectativas. 

Além disso, é fundamental ter a mentalidade e a capacidade de fazer os ajustes e adequações nos produtos e serviços oferecidos, após o feedback dos diversos públicos da empresa. 

Outro fator determinante para a fidelização é sempre treinar as equipes de vendas e de relacionamentos com clientes para que estes possam constantemente oferecer o melhor para o seu público.
Ter um sistema eficiente e eficaz de pós-vendas é cada vez mais decisivo para a fidelização. Já existem outros termos, tais como felicidade dos clientes, que já extrapolam a simples prestação de serviços de pós-vendas.

O trabalho de busca de fidelização envolve ainda a criação do chamado buyer persona, que significa criar um perfil que resuma as principais características dos clientes para que a marca possa criar estratégias alinhadas ao seu público e que sejam capazes de atender às suas demandas.

Quando se trata dos esforços de fidelização dos clientes, cabe às empresas reterem aqueles já conquistados e que sejam os mais lucrativos e propensos à fidelização. Para tanto é fundamental levar os clientes ao processo constante e evolutivo de satisfação em relação aos produtos, serviços e suas experiências. 

Além de todo o esforço de fidelização dos clientes atuais, é muito importante também aumentar a taxa de retenção de novos grupos de compradores, pois, esse crescimento leva naturalmente à maior lucratividade.

Há a cada dia um desafio novo para o marketing. As empresas precisam ter um tipo de marketing personalizado, pois, particularmente nos últimos anos, ficou anda mais perceptível que não existem dois clientes idênticos.  

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade