Publicidade

Estado de Minas OPINIÃO SEM MEDO

Eleições 2022: uma nova chance para o Brasil depende de nós

É mentira que não haverá alternativa nas próximas eleições fora da polarização entre o mal e o péssimo


03/05/2021 06:54

(foto: Arte/Gomez/CB/DA Press)
(foto: Arte/Gomez/CB/DA Press)


Esqueçam por um segundo o que nos fizeram e todo o mal que nos causaram Jair Bolsonaro e Lula. Façam melhor: imaginem que estes dois senhores nem sequer existem mais.

Diante disso, e postos os demais pré-candidatos que aí se ventilam, quem, na sua opinião, serviria melhor ao Brasil e aos brasileiros? A todos os brasileiros.

Mas por favor, pense bem. Sem pré-conceitos e sem posições já definidas. Abra sua mente e imagine-se, a partir de janeiro de 2023, governado pelo seu escolhido.

Pense em tudo de bom que este novo presidente pode nos trazer. Pense em sua capacidade de liderança, de gestão, em suas qualidades humanas e intelectuais.

Pense também como será reconfortante um novo tempo sem ofensas entre nós. Sem brigas familiares e sem nos culparmos, uns aos outros, por tudo de ruim.

Em toda eleição há oportunidades. Sempre houve candidatos preparados e dispostos a nos trazer o Brasil com que sonhamos. Eles estavam lá e não vimos.

Preferimos deixar as paixões e os ódios nos guiarem. Preferimos acreditar em pais, mães, santos e mitos. Transformamos algo tão importante em guerra de torcidas.

Não. Lula não é dono de 30% do Brasil. Tampouco o é Bolsonaro. O dono do Brasil somos eu e você, leitor amigo, leitora amiga, que com o voto fazemos valer o que queremos.


Esqueça que Lula existe e vote em quem você gostaria de verdade. Esqueça que Bolsonaro existe e vote em quem você gostaria de verdade. 

Agindo assim, elegeremos quem gostaríamos, e não, resumidamente apenas, quem poderia vencer aquele que não gostamos. Chega de voto útil. Chega de voto inútil.

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade