Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas COLUNA DO JAECI

Cruzeiro vence, entra no G-4 e apresenta evolução

'Já sugeri que o presidente vá nos seus pares e busque atletas de nível A. Somente assim vou acreditar no acesso'


04/04/2021 13:28

(foto: Bruno Haddad/Cruzeiro)
(foto: Bruno Haddad/Cruzeiro)
O Cruzeiro derrotou o Boa Esporte por 1 a 0, gol de Rafael Sóbis, entrou no G-4, pelo menos temporariamente, e mostrou alguma organização e qualidade. Falta muito ainda, pois no segundo tempo houve uma queda de rendimento a partir dos 15 minutos.

É preciso contratar jogadores de Série A. Buscar alternativas e tornar o time forte, em condições de encarar a Série B, que deverá ser a mais difícil dos últimos tempos, já que Vasco, Botafogo, Coritiba, Ponte Preta, Goiás, Vitória e Guarani também vão querer subir. Já sugeri que o presidente vá nos seus pares e busque atletas de nível A. Somente assim vou acreditar no acesso.


Não há como negar que houve uma melhora do Cruzeiro, em relação aos jogos passados. Alguns dirão que o Boa era um adversário fraco. Isso não tem muito a ver. O importante é sua equipe jogar bem e fazer aquilo que o técnico pede. Nesse quesito o time azul esteve bem postado, trocou passes, mostrou penetração e velocidade de seus atletas.

Há muito a evoluir, e, vale lembrar que os adversários na Série B serão bem mais difíceis que o Boa. Como o objetivo é voltar à elite, é preciso contratar mais jogadores de nível A. Não me canso de bater nessa tecla. Não acredito que uma equipe da grandeza do Cruzeiro, com tantos títulos, consiga subir apenas com esse grupo limitado, tecnicamente.

Sei que há uma briga política muito grande no clube. Os que renunciaram e estão próximos de serem julgados, pois o MP e a Polícia constataram formação de quadrilha, lavagem de dinheiro e outras coisas mais, segundo a atual gestão, a perseguem. Fontes revelam que boa parte do conselho pertence ao ex-presidente que renunciou.

Dessa forma, faz de tudo para prejudicar a atual gestão. A mim não importa se o presidente usa gel no cabelo ou se aparece demais nas redes sociais. Se ele fizer um bom trabalho e levar seu clube ao acesso, é o que importa. Porém, não vislumbro essa possibilidade com esse time de médio para baixo.

Sugeri que o presidente se sente com seus pares de Flamengo, Corinthians, Palmeiras, Grêmio, e peça jogadores emprestados, pagando apenas os salários. Esse pode ser um entrave, pois não há dinheiro e um teto salarial foi estabelecido. Entretanto, é preciso arranjar dinheiro, pagar melhor e ter jogadores de Série A.

Outro problema é saber se um reserva dos times citados vai querer disputar a Série B. O Cruzeiro deveria ter se planejado na temporada passada, quando percebeu que não subiria mais.

O gol contra o Boa, no primeiro tempo, foi marcado por Rafael Sóbis, em cobrança de falta. Aliás, ele fez uma excelente partida e ditou o ritmo do Cruzeiro. Existe a possibilidade de o time azul não chegar entre os 4 primeiros do Mineiro, a exemplo do que ocorreu ano passado. Sinceramente: essa não é a minha preocupação maior. Como acho os estaduais falidos e ultrapassados, o Cruzeiro tem que pensar é na volta à elite. O resto é bobagem. Pergunte ao torcedor o que ele mais deseja?

No segundo tempo, o Cruzeiro voltou para definir o placar e não sofrer o empate. Sóbis quase marcou, após rebote do goleiro, que voltou a fazer outra defesa espetacular. O Cruzeiro se impunha, coisa que não acontecia nos jogos passados. Dessa vez o time azul era respeitado como Grande que é. De forma estranha, o time foi caindo de produção, cedendo espaços e permitindo ao Boa alguns ataques. Num deles, a bola foi cruzada e a zaga salvou o que seria o gol de empate.

Rômulo fez sua estreia. É impressionante como o Cruzeiro não consegue manter uma estabilidade nos 90 minutos. O técnico vai dizer que isso aconteceu por causa do forte calor e do horário do jogo. Essa desculpa não cola, pois os jogadores treinam sob essa condição.

Sóbis construiu outra boa jogada. Limpou e chutou forte. A bola foi para fora, tirando tinta do travessão. O Cruzeiro voltava a pressionar, em busca do segundo gol, mas não conseguia marcar. O Boa quase empatou em bela cabeçada, mas, como sempre, Fábio, o Paredão Azul, salvou com uma defesa impressionante. Em seguida foi a vez de o Boa perder um gol incrível. Cara a cara com Fábio, Jeferson chutou para fora. E ficou nisso. Cruzeiro 1 x 0 Boa Esporte.

Se não foi uma grande partida, pelo menos o time azul teve mais organização, qualidade e mostrou que pode evoluir, desde que consiga contratar reforços pontuais, em nível de Série A.

Feliz Páscoa a todos os meus leitores. E que Deus possa passar em cada leito dos hospitais, para curar nossos irmãos acometidos pela terrível doença que é o coronavírus.

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade