Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas ANNA MARINA

Veja 10 dicas de como você pode se livrar dos traumas do não

Dizer não é importante, pois falar sim por medo de desapontar alguém, gera em nós um sentimento de frustração, de falta de piedade e falta de autoridade


17/07/2021 04:00 - atualizado 17/07/2021 08:09


A coluna pega uma carona no texto de Luzia Costa, CEO do Grupo Cetro, que define sua versão do poder do célebre “não” que vive na ponta de nossa língua:

“Quantas vezes nos pegamos em situações em que não queremos fazer alguma coisa, mas, mesmo assim, fazemos com medo de dizer não e desagradar a alguém? Você sabia que para saber o real significado do sim precisa falar não? Muitas vezes, quando dizemos um sim por medo de desapontar alguém, acabamos gerando em nós um sentimento de frustração, falta de piedade e falta de autoridade, diminuindo nós mesmos e nos tornando cada vez menos produtivos. Por isso, separei algumas dicas de como você pode se livrar dos traumas do não. Confira:

1. Dizer não traz posicionamento e sinceridade
Ser sincero com as pessoas ainda é a melhor maneira de se manter posicionado, a verdade nos traz um equilíbrio e isso faz com que as pessoas não se sintam ofendidas com o não.

2. Dizer não coloca limites
Muitas vezes, quando nos damos conta de como o não nos faz bem, passamos a nos policiar e dizer não para um monte de coisa errada que estávamos fazendo com a gente mesmo. Acordando tarde, comendo errado, indo a lugares indesejados, correndo sem ter necessidade, passamos a ter autodisciplina, porque criamos uma autoridade própria.

3. Dizer não faz você ser amado e respeitado
Ser amado e respeitado são necessidades do ser humano e, por isso, muitas vezes dizemos sim sem querer, por medo de dizer não e ser rejeitado. E quando aprendemos a colocar nossa verdade, construímos em nós uma autoridade. As pessoas não mudam com o seu não, elas só revelam quem elas são, as pessoas que realmente gostam de você querem a sua verdade, não seu sim.

4. Dizer não faz você ser ouvido na essência
Ser generoso com você mesmo, é isso que você faz quando diz não. As pessoas olham e tendem a querer saber o porquê do não, assim você consegue fazer com que as pessoas o ouçam.

5. Dizer não faz você ganhar tempo
Pessoas que gostam de enrolar tendem a buscar por pessoas que não sabem falar não. Assim, procrastinam suas obrigações, matam o tempo em volta de alguém, que no fundo sabe que não tem coragem de mandar você embora. Pessoas sinceras dizem que não podem atender, então rapidamente voltam para suas tarefas, sem perda de tempo.

6. Dizer não não torna você mal-educado
As pessoas acham que para dizer não têm que ser mal-educadas, têm que ser negativas, e isso não tem nada a ver. Dizer não tem a ver com sua verdade, seu ponto de vista e é possível expor tudo isso sem ferir os sentimentos da outra pessoa.

7. Dizer não torna você mais maduro
Quando falamos não na hora certa, e para situações certas, mostramos nosso grau de maturidade, independentemente da idade. Exemplo: um jovem que fala não para as drogas quando alguém lhe oferece mostra o quanto ele é maduro para tornar suas próprias escolhas certas. Então, o não pode livrar você de muitos problemas futuros.

8. Dizer não tem a ver com amor
Quando um bebê segue engatinhando em direção ao forno quente, qual a primeira coisa que você fala? Não vai lá, porque você sabe que pode se queimar. Muitas vezes, alguém que a gente ama nos pergunta algo sério, temos medo de dar nossa opinião e a pessoa se sentir contrariada.

9. Dizer não tem a ver com gerar ideias
Quando digo não para uma determinada situação, tento ajudar essa pessoa a resolver isso de uma outra maneira, e assim surgem outras ideias para solucionar o problema que não pude resolver naquele momento.

10. Dizer não faz você desenvolver a cultura do sim
A cultura do sim tem a ver com dizer não. Como assim? Isso quer dizer que quanto mais eu me posiciono na verdade dos fatos, na honestidade com meu tempo, com o cuidado com as pessoas, enfrentando as situações de frente, falando não para tudo que não me serve, ou que não está no meu tempo, eu digo sim para mim. Crio a cultura do sim me colocando em primeiro lugar na minha vida, sendo sempre minha primeira escolha e passando a amar o próximo como a mim mesmo! A cultura do sim na sua vida só ocorre depois que você aprende a dizer não.”

Pois não é que ela está mais do que certa?

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade