Publicidade

Estado de Minas RAPIDINHAS

Recorde em Interlagos


postado em 22/02/2020 04:00

(foto: Jaguar/Divulgação)
(foto: Jaguar/Divulgação)


A Jaguar levou seu F-Pace SVR para o Autódromo de Interlagos para estabelecer o recorde de tempo de volta para um veículo desse segmento. Atrás do volante estava o piloto Sergio Jimenez, responsável por vencer os 4,3 quilômetros do circuito, tendo cravado o tempo de 1min54s576. Desenvolvido pela divisão Special Vehicle Operations (SVO), a versão nervosa do SUV tem motor V8 5.0 supercharged, com 550cv de potência e 69,3kgfm de torque. Com melhorias aerodinâmicas, o SUV acelera até os 100km/h em 4,3s e atinge a velocidade máxima de 283km/h. Na sua garagem por R$ 539.100.
 
SEM 
NOVIDADE

A Chevrolet quis “causar” ao longo da semana apresentando teasers do novo Tracker. Acontece que o modelo já foi descortinado há meses em mostra automotiva chinesa. Ao menos a marca confirmou 
que o utilitário-esportivo chega às concessionárias da marca até o fim de março, prometendo “inovações tecnológicas relacionadas a segurança, conectividade e eficiência energética”. O SUV compacto é o primeiro dos sete lançamentos que a marca vai promover ao longo do ano. 
 
 
(foto: Joy Photography/McLaren)
(foto: Joy Photography/McLaren)
Forte e leve

A Fundação Lia Maria Aguiar adquiriu a única McLaren Senna GTR destinada à América Latina. Sediada em Campos do Jordão, a instituição já possui uma relevante coleção de veículos antigos e está construindo um museu, com inauguração prevista para 2021. Trata-se do modelo mais extremo da marca, feito para uso unicamente em pistas. O motor V8 4.0 biturbo tem potência de 825cv e 81,5kgfm de torque. Tudo isso para um veículo que pesa apenas 1.188 quilos. Apenas 75 McLaren Senna GTR serão construídas no Centro de Produção da McLaren, em Woking, no Reino Unido. 

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade