Publicidade

Estado de Minas Série A

América enfrenta Ceará em busca de vaga na Libertadores

Torcedor passou a sonhar alto depois da goleada sobre a Chapecoense por 3 a 0, no Independência


05/12/2021 13:03 - atualizado 05/12/2021 14:40

Argentino Zárate, principal contratação do Coelho para a temporada
Argentino Zárate, principal contratação do Coelho para a temporada, é um dos trunfos do time para o duelo com os cearenses (foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A Press 3/9/21)

As partidas de 2021 se transformaram em um turbilhão de emoções para o torcedor do América. Com as boas atuações coletivas e individuais de jogadores como os volantes Juninho e Alê e o atacante Ademir, a equipe alcançou com antecedência o objetivo de se manter na Série A do Campeonato Brasileiro. Mas o torcedor passou a sonhar alto depois da goleada sobre a Chapecoense por 3 a 0, no Independência. No confronto de hoje com o Ceará, às 19h, pela 37ª rodada, o Coelho tenta dar mais um passo em busca da inédita vaga para a Copa Libertadores – um feito enorme para o clube de 109 anos de história.
 
 
O jogo desta noite envolverá um adversário direto na busca por um lugar na competição internacional e promete ser uma das atrações da rodada. Se vencer seus dois compromissos – finaliza o Nacional diante do São Paulo, quinta-feira, no Independência –, o time alviverde praticamente alcançará o feito, que vai muito além do que a diretoria planejou na temporada.

De qualquer forma, o América já disputará uma competição fora do Brasil em 2022. Com a derrota do Cuiabá para o Athletico-PR, na noite de sexta-feira, o Coelho se garantiu na zona de classificação aos torneios continentais e pegará uma vaga, pelo menos, na Sul-Americana.

Apesar da euforia da torcida, o grupo tenta manter concentração para mostrar bom futebol contra o Ceará. “Teremos armas para buscar a vitória num estádio lotado, contra uma equipe muito complicada. Vamos tentar atuar como nos últimos dois jogos, que foram muito bons. Vai ser um confronto direto para entrar na Copa Libertadores. E ganhar os três pontos será importantíssimo”, avalia o atacante argentino Mauro Zárare, principal reforço do clube na temporada.

O jogador retorna ao ataque depois de cumprir suspensão pelo terceiro cartão amarelo. O técnico Marquinhos Santos tem a chamada “boa dor de cabeça”, pois Fabrício Daniel, substituto de Zárate, teve bom desempenho e marcou gol diante da Chapecoense. Em relação à equipe que enfrentou os catarinenses, o zagueiro Ricardo Silva e o volante Alê estão suspensos.

No returno do Brasileiro, o América tem campanha inferior apenas aos dois primeiros colocados, o campeão, Atlético, e o vice-campeão, Flamengo. O desempenho tem sido elogiado, com 54,9% dos pontos conquistados – oito vitórias, seis empates e três derrotas. Graças à subida de produção, o time alviverde deixou a parte de baixo e se consolidou no bloco intermediário da tabela.

Para Zárate, o América não pode deixar o rendimento cair, ainda mais contra um adversário direto na classificação: “A postura deve ser igual como em todo o segundo turno, impondo nossa intensidade e nosso jogo. Sendo em casa ou como visitante, vamos tentar vencer, porque nosso grupo é bom”.

PLANEJAMENTO A premiação no atual no Brasileiro é um incentivo a mais para o grupo: caso termine em oitavo lugar, atual posição, o Coelho colocará R$ 21,4 milhões em seus cofres.

Com a permanência na Série A, a diretoria começa a planejar o grupo para a próxima temporada. Uma das primeiras ações foi a compra dos direitos econômicos do lateral-esquerdo Marlon ao Sampaio Corrêa por cerca de R$ 1,5 milhão. Além disso, a cúpula promete ir ao mercado buscar peças de meio-campo e ataque. O clube perderá seu principal destaque, o atacante Ademir, que já está acertado com o Atlético.


Ceará x América

Ceará
João Ricardo; Igor, Luiz Otávio, Messias e Bruno Pacheco; Sobral, Fabinho e Lima; Jorginho (Kelvyn), Mendoza e Jael
Técnico: Tiago Nunes
América
Matheus Cavichioli; Patric, Eduardo Bauermann, Anderson e Marlon; Lucas Kal, Juninho e Fabrício Daniel; Ademir, Felipe Azevedo e Mauro Zárate
Técnico: Marquinhos Santos
37ª rodada do Brasileiro
Estádio: Castelão
Horário: 19h
Árbitro: Raphael Claus (SP)
Assistentes: Eduardo Gonçalves da Cruz e Daniel Luiz Marques (SP)
VAR: Vinícius Furlan (SP)
TV: Pay-per-view


enquanto isso...
...rodada de várias decisões 

Com o título já assegurado pelo Atlético, as últimas rodadas do Brasileiro vão definir as últimas vagas na Libertadores e na Copa Sul-Americana de 2022, além dos dois últimos rebaixados para a Série B. Os três primeiros colocados não mudam: além do campeão, Galo, o Flamengo garantiu o vice-campeonato e o Palmeiras a terceira posição. Corinthians e Fortaleza são certos na Libertadores, porém falta definir qual deles ficará com a vaga direta e qual vai para a fase preliminar – o Timão pega o Grêmio, em São Paulo, e o tricolor encara o Cuiabá, fora. O Bragantino precisa derrotar o Atlético, no Mineirão, para disputar pela primeira vez a competição. O Fluminense também está próximo: precisa vencer o Bahia, na Fonte Nova, e torcer por tropeço do time de Bragança Paulista. América, Ceará, Internacional, Atlético-GO, Santos e São Paulo também sonham com a Libertadores. Nesse caso, uma combinação de resultados vai apontar as vagas restantes e definir os representantes da Sul-Americana. Na parte de baixo, os já rebaixados Chapecoense e Sport podem ter a companhia de Grêmio e Bahia nesta rodada. A goleada por 3 a 0 sobre o São Paulo, quinta-feira, aliviou a pressão sobre os gaúchos, mas a equipe terá sua queda decretada hoje se perder para o Corinthians, em São Paulo. Os baianos também podem cair, caso percam para o Fluminense e o Cuiabá derrote o Fortaleza.






*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade