Publicidade

Estado de Minas AMÉRICA

América: jovens da base devem ter mais oportunidades com Mancini

Treinador afirmou que não tem receio de lançar novos nomes; desempenho nos treinamentos será fundamental


14/07/2021 07:12 - atualizado 14/07/2021 07:15

Mancini fará análises mais assertivas em relação aos jovens do elenco(foto: João Zebral / América)
Mancini fará análises mais assertivas em relação aos jovens do elenco (foto: João Zebral / América)
Confiante que fará um bom trabalho no América, o técnico Vagner Mancini traçou uma estratégia para atingir o objetivo. Ele aposta na mescla entre experiência e juventude no elenco. Sob seu comando, mais atletas formados na base do Coelho devem ter mais oportunidades nesta Série A do Campeonato Brasileiro.

Após a derrota para o Atlético, por 1 a 0, no último sábado, no estádio Independência, Mancini foi questionado sobre a escalação do zagueiro Zé Vitor, de 20 anos, entre os titulares. No entanto, o treinador afirmou que não tem receio de lançar novos nomes na equipe principal.

"Nunca tive receio de lançar jogadores, eu acho que quem nasceu para jogar futebol, é logico que tem que ter uma maturidade a ser desenvolvida, mas quem é do ramo a gente percebe logo", declarou.

Além disso, Mancini deixou em aberto a possibilidade de usar mais jogadores da base ao longo da temporada. Com uma semana livre de preparação até o compromisso contra o Sport, o técnico fará análises mais assertivas em relação aos jovens do elenco. 

"O fundamental é que não tenho medo de colocar. Se o atleta me der resposta no treinamento vai sim ter oportunidade", completou.

Uso da base

Desde que assumiu o comando do América, Mancini esteve à beira do gramado em cinco jogos - contra Internacional, Bahia, Santos, Fortaleza e Atlético. Nesses confrontos, ele utilizou quatro jogadores da base. São eles: o zagueiro Zé Vitor; o volante Sabino; e os atacantes Kawê e Carlos Alberto. 

Entre os nomes citados, Carlos Alberto é o jogador que recebeu mais oportunidades de Mancini (quatro). Ele foi o autor do segundo gol do Coelho na vitória por 2 a 0 sobre o Peixe no estádio Independência, na nona rodada da Série A. Já Sabino, Zé Vitor e Kawê foram acionados pelo treinador uma única vez. 

O lateral-esquerdo Lucas Luan e os meio-campistas Gustavo e Lucas Gabriel, que receberam chances com o ex-técnico Lisca, vivem a expectativa de também serem utilizados por Mancini nas próximas rodadas da competição nacional.

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade