Publicidade

Estado de Minas AMÉRICA

Bruno Nazário se destaca por assistências e faro de gol

Em boa fase, meia pode ser uma das armas da equipe para o primeiro confronto das semifinais do Mineiro, domingo, contra o Cruzeiro


27/04/2021 20:39 - atualizado 27/04/2021 20:40

O meia Bruno Nazário deu nova dinâmica ao sistema ofensivo do América e vira peça importante para o duelo com a Raposa(foto: ESTEVÃO GERMANO/AMÉRICA)
O meia Bruno Nazário deu nova dinâmica ao sistema ofensivo do América e vira peça importante para o duelo com a Raposa (foto: ESTEVÃO GERMANO/AMÉRICA)

Contratado no início desta temporada, o meia Bruno Nazário tem ajudado o América a ganhar produtividade ofensiva e pode ser uma das armas da equipe para o primeiro confronto das semifinais do Mineiro, domingo, contra o Cruzeiro. Desde sua chegada, o jogador participou diretamente de quatro gols em cinco jogos.

O América, vice-campeão, mas apenas com o nono melhor ataque da última edição da Série B do Campeonato Brasileiro (43 gols), luta para mudar esse cenário em 2021.

O treinador Lisca revelou que a comissão técnica tem dado maior ênfase a trabalhos neste aspecto. A equipe marcou 17 vezes na primeira fase do Campeonato Mineiro e teve o segundo melhor desempenho ofensivo – atrás apenas do Atlético, que marcou 23 gols.

Em sua entrevista de apresentação, Bruno Nazário acenou com 'muitos gols e assistências' à torcida. Até então, o meia tem cumprido o que prometeu. Atuando como um ponta pela direita, Nazário tem demonstrado boa qualidade técnica para dribles, passes, enfiadas e também em lances de bola parada.

Na goleada por 5 a 0 sobre a URT, no domingo, o jogador marcou um belíssimo gol de falta e deu assistência em lance de escanteio.

Antes, pela Copa do Brasil, já havia sido responsável pelo passe para gol no 1 a 1 com o Ferroviário e, no Estadual, passou a bola para um dos gols diante do Coimbra, em que o clube triunfou por 2 a 0.

O meia americano foi elogiado também por Cauan de Almeida, membro da comissão técnica do Coelho, que o definiu como um 'pifador' – na gíria do futebol, atleta com capacidade de colocar os companheiros em situações de gol.

“Um jogador que vai agregar bastante, seja nessa função ou como meia, por conta da qualidade que tem, da característica de 'pifar', de construir. É muito criativo e também é um jogador de finalização”, pontuou Cauan.

Pelo grande começo, Bruno Nazário se credencia ao 'posto' de referência técnica do alviverde, antes ocupado pelo atacante Ademir.

O destaque da última edição da Série B perdeu espaço após se envolver em polêmica com o presidente Alencar da Silveira para que fosse negociado com o Palmeiras – o que não ocorreu – e também pelo início ruim nesta temporada.

Nova contratação


O América tem negociações avançadas para contratar o lateral-esquerdo Marlon, do Sampaio Corrêa.

O jogador deve ser o décimo reforço do clube para a disputa da Série A do Campeonato Brasileiro. A informação foi antecipada pelo Esporte News Mundo e confirmada pelo Estado de Minas e pelo portal Superesportes.

A expectativa é que a transação seja concretizada nos próximos dias.

Se for confirmado, Marlon, de 27 anos, terá a concorrência de João Paulo e Lucas Luan.

Lisca avalia que o Coelho precisa ter duas ou três opções por setor, já que conciliará o início do Brasileiro com a Copa do Brasil.

*Estagiário sob a supervisão do subeditor Eduardo Murta

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade