UAI
Publicidade

Estado de Minas SEM CONCLUSÃO

PSDB: ainda não se sabe o que interrompeu as votações das prévias

Não há laudo do problema que gerou falha no aplicativo e interrompeu as votações à distância das prévias do PSDB, ocorridas no domingo (21)


22/11/2021 19:02 - atualizado 22/11/2021 19:09

Votações à distância das prévias do PSDB
Problema que interrompeu as votações à distância das prévias do PSDB (foto: Minervino Júnior/CB/D.A.Press)

Até o momento não se sabe qual o problema que interrompeu as votações à distância das prévias do PSDB, ocorridas no domingo (21). Uma reunião nesta segunda-feira (22/11) da Executiva Nacional do partido, junto aos três candidatos João Doria, Eduardo Leite e Arthur Virgílio, e os desenvolvedores do aplicativo, não houve conclusão sobre o motivo que causou a interrupção.
Os desenvolvedores da Fundação de Apoio da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (FAURGS), responsáveis pelo aplicativo, saíram do encontro sem dar declarações. O governador gaúcho, o presidente da legenda, Bruno Araújo, e os auditores da empresa Bidweb, empresa de segurança da informação digital, que acompanhou o processo de testes no aplicativo, ainda prosseguiram nas negociações a portas fechadas.

A jornalistas, o senador José Aníbal (PSDB-SP) garantiu que as prévias não serão alteradas para amanhã (23), como desejava o candidato Eduardo Leite (RS).

De acordo com a assessoria da sigla, apenas 8% dos filiados conseguiram votar na manhã de domingo. O aplicativo funcionou até a primeira hora e, por volta das 8h05, começou a pane.

Há uma média de 650 votos computados pela urna eletrônica, marcados pelos membros executivos do partido. Esses votos estão lacrados e protegidos em um cofre.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade