Publicidade

Estado de Minas CPI DA COVID

Aziz discute com Marcos Rogério: 'Vai perguntar ou veio discursar?'

No momento da interrupção, Marcos Rogério, senador governista, falava a favor da realização da Copa América no Brasil


08/06/2021 15:00 - atualizado 08/06/2021 15:14

A CPI da Pandemia ouve, pela segunda vez, o ministro da Saúde(foto: Jefferson Rudy/Agência Senado)
A CPI da Pandemia ouve, pela segunda vez, o ministro da Saúde (foto: Jefferson Rudy/Agência Senado)
O presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da COVID, Omar Aziz (PSD-AM), discutiu com o senador governista Marcos Rogério (Democratas-RO) durante o depoimento do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, nesta terça-feira (8/6). “O senhor veio aqui para discursar ou para fazer perguntas?”, questionou o presidente.


“O senhor sabe a diferença entre a Copa América e o Campeonato Brasileiro?", pontuou Aziz. “O senhor está parecendo o senador que quer saber sobre protozoário e vírus", rebateu Rogério, se referindo a Otto Alencar, que questionou a médica Nise Yamaguchi justamente sobre essa questão.

Em seguida, Aziz pontuou que daria um tempo a mais para Rogério explicar a diferença entre os campeonatos. O governista, então, seguiu discursando.

No final da fala, Aziz volta a perguntar a diferença entre os campeonatos e Rogério se irrita. “O senhor não vai explicar? Sabe a diferença? Por causa do salário… porque se não houver campeonato brasileiro em locais como o Amazonas, Amapá, Rondônia, esses jogadores ficam sem dinheiro. Eles não são ricos. A diferença é os patrocínios. Esse pessoal que vem jogar na Copa América, não precisa desse salário. A diferença está aí. Esses jogadores estão em campo por necessidade”, explica Aziz.

“A diferença entre a Copa América e os outros campeonatos é a sobrevivência dos funcionários...A Copa América é uma vaidade. O Neymar não precisa de salário da CBF para viver… O Casimiro, capitão, não precisa”, disse o presidente da CPI.

Aziz volta a comparar os campeonatos e afirma que não tem “nada contra” com quem é a favor da realização do campeonato, mas que, na sua opinião, "o Brasil ser campeão não faz a menor diferença”. 

Em seguida, Rogério diz que essa é a "primeira vez" que ele concorda com Aziz e segue discursando sobre patrocínios. O senador governista defende que a Copa América trará recursos aos desempregados no país. 

Leia: Marcos Rogério sobre CPI da COVID: 'Sem rumo'

Entenda
 

Ministro da Saúde desde março deste ano, Marcelo Queiroga depõe nesta terça-feira (8/6) à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da COVID, instalada pelo Senado. Queiroga depõe pela segunda vez à CPI da pandemia e, assim como na outra oportunidade, fala na condição de testemunha.

Queiroga é uma das 12 pessoas já ouvidas pela CPI. Ele depôs em 6 de maio, ainda na primeira semana de oitivas, e retorna após algumas “brechas” deixadas no primeiro depoimento.

Os senadores Humberto Costa (PT-PE), Alessandro Vieira (Cidadania-SE) e Randolfe Rodrigues (Rede-AP) assinam os requerimentos que proporcionaram o retorno do ministro.

A CPI da COVID apura possíveis ações e omissões do governo federal no enfrentamento à pandemia do coronavírus e repasses de verbas a estados e municípios. A comissão foi instalada em 27 de abril deste ano. 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade