Publicidade

Estado de Minas ESCALA DE PAGAMENTO

Zema divulga escala de pagamento do salários de janeiro dos servidores

Primeira parcela será depositada no dia 10 de fevereiro; governo também cancelou o ponto facultativo do carnaval 2021 e repartições terão expediente normal


28/01/2021 16:43 - atualizado 28/01/2021 17:08

Governo de Minas Gerais publicou nota informando que não concederá ponto facultativo aos servidores públicos estaduais(foto: Edesio Ferreira/EM/D.A Press )
Governo de Minas Gerais publicou nota informando que não concederá ponto facultativo aos servidores públicos estaduais (foto: Edesio Ferreira/EM/D.A Press )
O governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), anunciou na tarde desta quinta-feira (28/01) que a primeira parcela do pagamento dos 147 mil servidores públicos do estado será depositada no dia 10 de fevereiro. Informou também que a segunda parcela dos salários está prevista para ser quitada no dia 22 de fevereiro.

No dia 10 de fevereiro, serão quitados integralmente os salários dos servidores de saúde e da segurança pública enquanto os demais servidores vão receber a primeira parcela no valor de R$ 2 mil, devendo receber o restante no dia 22 de fevereiro.

O governador Romeu Zema divulgou a escala de pagamento dos salários funcionalismo de janeiro em uma rede social. Na publicação, ele chama atenção para os problemas financeiros enfrentados pelo estado. “Mesmo com todas as dificuldades financeiras enfrentadas, anuncio a escala de pagamento de fevereiro”, diz o governador.

Suspensão do ponto facultativo no carnaval

Também nesta quinta-feira (28/01), o site do Governo de Minas Gerais publicou nota informando que não concederá ponto facultativo aos servidores públicos estaduais no carnaval de 2021. O governo ancora a decisão na pandemia do novo coronavírus. Neste ano, o carnaval está marcado para 13, 14, 15 e 16 de fevereiro. Nesses dias, o governo de Minas informa  que suas repartições terão expediente normal.

Justificativa

Ainda por meio de nota, o governo de Minas justifica a medida com de objetivo de “desestimular viagens e a ocorrência de eventos que possam gerar aglomeração e provocar o aumento de infecções pelo coronavírus”.

A nota é encerrada com a seguinte afirmação: “O governo estadual tem como prioridade salvar vidas, e, por isso, ressalta a importância de redobrar os cuidados com a higiene e usar máscaras.”


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade