Publicidade

Estado de Minas Avaliação

Mandetta sobre 180 mil mortos: 'Responsabilidade dele (Bolsonaro)'

O ex-ministro da Saúde concedeu entrevista à Globonews e disparou contra o presidente Bolsonaro


11/12/2020 20:40 - atualizado 11/12/2020 21:33

Mandetta deixou o Ministério da Saúde em abril(foto: AFP / EVARISTO SA)
Mandetta deixou o Ministério da Saúde em abril (foto: AFP / EVARISTO SA)
O ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, afirmou, na noite desta sexta-feira (11), que a responsabildiade pela marca de 180 mil mortos por coronavírus no Brasil é toda do presidente Jair Bolsonaro. A declaração foi feita durante entrevista à GloboNews. 
 
"Este era um cenário que eu falei para o presidente que se ele continuasse com o negacionismo e se população não tivesse liderança, era o nosso pior cenário. Nós tínhamos que enfrentar isso unidos. O nosso adversário era o coronavírus", declarou. 
 
Mandetta lembrou ainda que chegou a alertar o presidente, pessoalmente e por escrito, sobre a possibilidade de o Brasil chegar ao número trágico de 180 mil mortos pela pandemia. 
 
"Eu fiz questão de colocar no papel, documentar, comunicar a todos os ministros, e entregar em mãos ao presidente que aquele negacionismo iria custar muito caro para a vida dos brasileiros", completou. 
 
Mandetta deixou o Ministério da Saúde em abril, após uma série de divergências com o presidente Jair Bolsonaro. Em seu lugar, assumiu o também médico Nelson Teich, que ficou menos de um mês no cargo. 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade