Publicidade

Estado de Minas ELEIÇÃO

Concorrente à Prefeitura de BH pensa em oficializar posse de terras a moradores de vilas e favelas

Legalização de moradias pode impulsionar geração de emprego e renda, crê Marcelo Souza e Silva


31/10/2020 11:00 - atualizado 31/10/2020 09:51

Para Marcelo, o movimento pode impulsionar núcleos familiares na busca por emprego e renda(foto: Tulio Santos/EM/D.A Press)
Para Marcelo, o movimento pode impulsionar núcleos familiares na busca por emprego e renda (foto: Tulio Santos/EM/D.A Press)
Candidato à Prefeitura de Belo Horizonte, Marcelo Souza e Silva (Patriota) promete atenção especial às vilas e favelas da cidade. Ele pensa em legalizar a posse das casas construídas nas localidades. Muitas vezes erguidos sem que trâmites legais sejam seguidos, os imóveis acabam ficando “invisíveis”. A ideia é viabilizar a concessão da posse dos espaços aos moradores.

Para Marcelo, o movimento pode impulsionar núcleos familiares na busca por emprego e renda. “Ações macro vão abranger toda a cidade, como a titularidade de posse dos terrenos de aglomerados, vilas e favelas, o que pode ser uma forma de fomentar negócio e ajudar o crescimento de famílias”, projetou, em entrevista ao Estado de Minas.

O presidente licenciado da seccional belo-horizontina da Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL) promete descentralizar a administração municipal, dando protagonismo às regionais. A proposta passa pela criação de coordenadorias de vilas e favelas nas diferentes áreas da cidade.

“Propomos um esforço para um grande programa social, contemplando toda a Belo Horizonte, com as particularidades regionalizadas. Queremos uma coordenadoria de vilas e favelas nas regionais. O prefeito Alexandre Kalil centralizou novamente (a administração), as secretarias regionais perderam suas responsabilidades. A gente propõe voltar e buscar as melhores práticas”, disse.


Marcelo pede diálogo

Ainda segundo Marcelo, Kalil é pouco aberto ao diálogo, o que dificulta a relação da sociedade com o Executivo municipal.

“(Kalil) se moldou dentro de uma caverna, não conversa com ninguém, não articula, não sai, não visita e não anda na cidade, além de não conversar com os governos federal e estadual e não ter articulação com deputados e vereadores”, criticou. 

Ausência de corrupção é ponto positivo

Por outro lado, o concorrente elogiou a transparência do candidato à reeleição no que tange à administração dos recursos públicos. Ele diz que a diminuição dos casos de corrupção é tendência nacional.

“O principal acerto está acontecendo não apenas em Belo Horizonte, mas em Minas Gerais e em muitos locais do Brasil: a diminuição absurda da corrupção. Vemos mais rigor na utilização do orçamento da cidade, com maior acompanhamento. É uma evolução que se deve muito à Lava Jato, à tecnologia, que ajuda o cidadão a tomar conta (do dinheiro público), mas, também, às condições de servidores e gestor público de buscar essa efetividade. Apesar de não concordar com todas as aplicações, esse (ausência de casos de corrupção) é um ponto positivo”, afirmou.

As entrevistas

De quinta (22) até o próximo dia 12, o Jornal da Alterosa promove, em dias úteis, entrevistas de cinco minutos com os candidatos a prefeito de Belo Horizonte. O noticiário vai ao ar às 19h15. Antes de participar do programa televisivo, Marcelo foi sabatinado por jornalistas do Estado de Minas

As matérias sobre a entrevista ao EM estão sendo publicados ao longo deste sábado, na internet. No domingo, a edição impressa trará um resumo dos principais pontos abordados durante a conversa. 

Fabiano Cazeca (Pros), Rodrigo Paiva (Novo), Nilmário Miranda (PT), Bruno Engler (PRTB), Áurea Carolina (Psol) e Cabo Washington Xavier (PMB) também já foram sabatinados.
 

Primeiro turno de votação nas eleições 2020 será em 15 novembro. Confira nosso guia
Primeiro turno de votação nas eleições 2020 será em 15 novembro. Confira nosso guia

Eleições 2020: como votar, datas e horários

O primeiro turno das eleições 2020 será em 15 de novembro e, caso seja necessário no seu município, o segundo turno será realizado em 29 de novembro de 2020. Nestas eleições, o horário de votação é das 7h às 17h. O horário entre 7h e 10h é preferencial para maiores de 60 anos.

Com as novas medidas diante da pandemia do coronavírus, preparamos um guia com tudo que você precisa saber para votar nas eleições 2020.

O que muda nas eleições 2020?

Muitas mudanças foram feitas pela Justiça Eleitoral para os candidatos a prefeito e vereador durante o período eleitoral de 2020. Além disso, os eleitores também terão de se adaptar às novas normas para os dias de votação, como a abertura antecipada das seções eleitorais e as regras de higiene que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE).  


Como justificar o voto nas eleições 2020?

Os eleitores poderão optar por justificar o voto de três formas: 
  • No dia das eleições: o eleitor que estiver fora de sua cidade pode justificar a ausência em qualquer local de votação, das 7h às 17h. O eleitor deverá ter o número do título, um documento oficial de identificação e o formulário de justificativa preenchido.

  • Depois das eleições: preenchendo o formulário de justificativa em qualquer cartório eleitoral ou posto de atendimento ao eleitor em até 60 dias após a votação.

  • A justificativa também poderá ser feita no aplicativo e-Título.

Eleições 2020 em Belo Horizonte

Na capital mineira, 15 candidatos disputam as eleições para prefeito. Conheça quem são os candidatos e o perfil de cada na corrida rumo à Prefeitura de Belo Horizonte (PBH). Já para vereador, Belo Horizonte conta com mais de 1,5 mil candidatos. Alguns apostaram em apelidos e codinomes bem inusitados para conseguir votos.



Para acompanhar a cobertura completa das eleições em BH, acesse nosso especial

Para saber mais sobre as Eleições 2020 em Minas Gerais, leia também a cobertura completa das eleições na Grande BH e nas regiões Centro-OesteLesteNorteSul de MinasTriângulo Mineiro e Zona da Mata.

 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade