Publicidade

Estado de Minas PANDEMIA

Três dos quatro deputados presentes na posse do ministro da Educação já tiveram COVID-19

Apenas o deputado Hélio Negão (PSL-RJ) ainda não testou positivo para doença; Milton Ribeiro tomou posse na quinta-feira (16) e anunciou na tarde desta segunda-feira ter contraído COVID-19


20/07/2020 17:31 - atualizado 20/07/2020 18:20

(foto: Governo Federal/Reprodução)
(foto: Governo Federal/Reprodução)
Dos quatro deputados federais que participaram da cerimônia de posse do novo ministro da Educação, Milton Ribeiro, três já tinham pegado COVID-19 anteriormente. No início da tarde desta segunda-feira (20), o ministro informou que testou positivo para o novo coronavírus. Apenas Hélio Lopes (PSL-RJ), conhecido com Hélio Negão, ainda não contraiu a doença.



O deputado Cezinha de Madureira (PSD-SP) foi o primeiro caso registrado na Câmara dos Deputados. Ao informar em uma rede social que contraiu o vírus, o parlamentar disse que estava "bem". “Eu tive uma gripe muito forte, com dores de garganta, febre, dores no corpo, dores musculares e fui fazer o exame que deu positivo para coronavírus, mas estou bem. Já estou aqui em casa, cumprindo o protocolo médico", afirmou Madureira em um vídeo publicado em rede social. O parlamentar seguiu o isolamento social e conseguiu se curar da doença.

Líder da frente evangélica, Silas Câmara (Republicanos-AM) anunciou a contaminação em 15 de abril. Ele seguiu o isolamento social em sua residência, em Brasília (DF). “Peço a todos que orem pelo nosso restabelecimento. Em breve, tudo isso irá passar e estaremos juntos novamente em nome de Jesus”, escreveu o parlamentar na época.
 
Também presente na posse, Ricardo Barros (PP-PR) anunciou em 25 de abril ter contraído a doença. Na época, ele ficou internado na Santa Casa de Maringá (PR), com quadro clínico "estável", após "testar positivo" para a novo coronavírus.

Além dos deputados, participaram da cerimônia os ministros das Comunicações, Fábio Faria; da Economia, Paulo Guedes; da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos; da Casa Civil, Braga Netto; e da Secretaria-Geral da Presidência, Jorge Oliveira.

Os ministros Onyx Lorenzoni, da Cidadania; Augusto Heleno, do Gabinete de Segurança Institucional (GSI); e Bento Albuquerque, de Minas e Energia, também foram diagnosticados com COVID-19, além do secretário-executivo do Ministério das Comunicações, Fábio Wajngarten.

Professor, pastor e ex-vice reitor da Mackenzie, Milton Ribeiro tomou posse na última quinta-feira (16) como novo ministro da Educação. Ele é o quarto a ocupar o cargo em pouco mais de um ano e meio do governo de Jair Bolsonaro (sem partido). O presidente que também esta com coronavírus participou da posse por videochamada
 
*Estagiária sob supervisão da editora-assistente Vera Schmitz


 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade