Publicidade

Estado de Minas

Pelas redes sociais, vereadores lamentam morte de segurança da Câmara Municipal de BH

Parlamentares prestaram condolências a amigos e familiares de José Rogério dos Santos


postado em 14/08/2019 10:34 / atualizado em 14/08/2019 12:26

José Rogério dos Santos estava desaparecido desde a última segunda-feira(foto: Reprodução/Facebook)
José Rogério dos Santos estava desaparecido desde a última segunda-feira (foto: Reprodução/Facebook)
A notícia da morte de José Rogério dos Santos, de 41 anos, segurança da Câmara Municipal de Belo Horizonte, pegou os vereadores da Casa de surpresa. O funcionário estava desaparecido e teve o corpo encontrado nessa terça-feira, dentro de uma lagoa em Ribeirão das Neves, na Região Metropolitana de BH. Pelas redes sociais, três dos 41 parlamentares prestaram condolências a amigos e familiares do ex-funcionário da CMBH, que trabalhou por dez anos no local.

Presidente da Câmara, Nely Aquino (PRTB) escreveu: “Hoje recebemos uma triste notícia. Nosso amigo segurança da presidência José Rogério faleceu, deixando para todos nós a lembrança de um homem gentil que sempre estampava um belo sorriso no rosto. Que neste momento de dor, o nosso Senhor Jesus venha consolar e trazer acalento ao coração dos familiares e a todos aqueles que o amavam. JR, você fará muita falta para todos nós!”. José Rogério atuava na segurança da presidência.

Vice-presidente da Casa, Jair Di Gregório (PP) também lamentou a morte pelas redes. “JR meu amigo chegou sua hora de encontrar com Pai, tragicamente e nos abalam muito sua partida. Deus conforte a todos nós e que as autoridades aprofundem nas investigações e descubram o que aconteceu de fato!”.

A vereadora Cida Falabella (PSOL) tweetou: “Tristeza sem fim. Recebemos em choque a notícia de que José Rogério dos Santos, que trabalhava como segurança na CMBH, e que sempre nos acolheu de forma tão afetuosa, foi encontrado morto. Nossos corações estão com sua esposa e filha”.

Natural do município mineiro de Córrego Novo, na Região do Rio Doce, José Rogério estava desaparecido desde a última segunda-feira. O corpo foi localizado no Bairro Severina após denúncia registrada no 190, pelos bombeiros. O ex-funcionário da Casa foi encontrado morto e com um ferimento na testa. Uma arma de fogo foi encontrada na mesma lagoa onde estava o corpo do segurança. Ainda não há suspeitos do crime.


Publicidade