Publicidade

Estado de Minas POLÍTICA

Bolsonaro assina nomeação de 24 técnicos da transição de governo, diz futuro ministro

A equipe de Bolsonaro ficará sediada no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB). O local já funcionou inclusive como sede do governo, durante o mandato do ex-presidente Lula, quando o Palácio do Planalto estava em obras


postado em 02/11/2018 16:09 / atualizado em 02/11/2018 16:31

Até agora, Lorenzoni foi o único assessor próximo do futuro presidente a encontrar com representantes do atual governo.(foto: Flickr)
Até agora, Lorenzoni foi o único assessor próximo do futuro presidente a encontrar com representantes do atual governo. (foto: Flickr)
O deputado federal Onyx Lorenzoni, futuro chefe da Casa Civil, disse nesta sexta-feira (02) que o presidente eleito Jair Bolsonaro assinou a nomeação de 24 pessoas que vão trabalhar na transição de governo, que começa na próxima terça. Pela lei, o eleito pode nomear até 50 pessoas, mas ele não quis antecipar os nomes dos já escolhidos. 
 
 
Até agora, Lorenzoni foi o único assessor próximo do futuro presidente a encontrar com representantes do atual governo. Ele esteve com o atual titular da Casa Civil, Eliseu Padilha, para combinar a transição. 
 
A equipe de Bolsonaro ficará sediada no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB). O local já funcionou inclusive como sede do governo, durante o mandato do ex-presidente Lula, quando o Palácio do Planalto estava em obras.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade