Publicidade

Estado de Minas

PV de Minas vai aguardar decisão do PSB envolvendo Lacerda para definir aliança nestas eleições

Em convenção realizada nesta sexta-feira, foi aprovada a formação de uma comissão que tem até domingo para decidir apoio na disputa a governador


postado em 03/08/2018 17:52

Convenção do PV foi realizada nesta sexta-feira na Assembleia Legislativa (foto: PV/Divulgação)
Convenção do PV foi realizada nesta sexta-feira na Assembleia Legislativa (foto: PV/Divulgação)

O PV mineiro adiou para domingo uma decisão sobre as eleições deste ano. Em convenção realizada na tarde desta sexta-feira em Belo Horizonte, foi aprovada a criação de uma comissão para definir qual candidato a governador terá o apoio da legenda.

Até então o PV indicava uma aliança com o ex-prefeito de Belo Horizonte Marcio Lacerda (PSB). Mas diante da intervenção do PSB nacional na direção estadual – que pode resultar na reprovação da candidatura de Lacerda – o PV decidiu esperar o resultado da convenção da legenda, marcada para este sábado pela manhã.

“Tínhamos uma conversa com Marcio Lacerda bem adiantada, que atendia as questões programáticas do partido. Temos uma convergência natural com o Marcio Lacerda pelo passado de convivência na Prefeitura de Belo Horizonte”, afirmou o presidente estadual do PV, Agostinho Patrus. No segundo mandato como prefeito, Lacerda teve como vice Délio Malheiros, na ocasião filiado ao PV.

O partido também aguarda uma definição do MDB, que ainda discute uma coligação com a reeleição de Fernando Pimentel (PT) ou lançamento de Adalclever Lopes para o Palácio da Liberdade.

De acordo com Agostinho Patrus, o partido também tem uma boa relação com Fernando Pimentel, Antonio Anastasia (PSDB) e Rodrigo Pacheco (DEM). 

Na disputa para a Assembleia Legislativa e Câmara dos Deputados, o PV aprovou uma lista de 35 candidatos a deputado estadual e cerca de 50 para federal. A expectativa é eleger quatro federais e 7 estaduais. 

O partido não terá candidato a senador.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade