Publicidade

Estado de Minas

Anastasia diz que caminhos de futuro governo vão impor sacrifícios

Tucano defendeu que próximo governador tem que retomar aliança com o governo federal


postado em 12/07/2018 15:38 / atualizado em 12/07/2018 19:01

(foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press )
(foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press )

O senador Antônio Anastasia, pré-candidato do PSDB ao governo de Minas, disse nesta quinta-feira que todos os caminhos do futuro governo irão impor sacrifícios e novos comportamentos. Ele participa de encontro com candidatos, realizado pela Associação dos Municípios da Região Metropolitana de Belo Horizonte (Granbel).

“Tem de haver compreensão. Vamos fazer ambiente de participação para mostrar a todos a realidade do Estado”. Segundo ele, é imprescindível ao próximo governo uma aliança com o governo federal, pois há vários créditos do estado a receber como as compensações da Lei Kandir.

Ele também considerou fundamental a retomada do crescimento econômico do país.
“Se continuarmos em depressão e o ICMS caindo não conseguiremos recuperar”, declarou.

De acordo com Anastasia, com crescimento econômico e “fazendo o dever de casa” nos próximos quatro anos o governo conseguirá, se muito, colocar a casa em ordem “.

Simplicidade, austeridade, parcerias e criatividade foram princípios indicados por Anastasia que nortearão o seu governo, caso vença as eleições.

Além de Anastasia, o ex-prefeito de BH Marcio Lacerda (PSB) também falará.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade