Publicidade

Estado de Minas

Hackers invadem e tiram site da prefeitura de BH do ar

Invasão foi na manhã desta quarta-feira e Executivo municipal já trabalha para solucionar o problema


postado em 30/05/2018 13:35 / atualizado em 30/05/2018 16:48

Mensagens eram contra a presidência da República, classe política e dos militares (foto: Reprodução)
Mensagens eram contra a presidência da República, classe política e dos militares (foto: Reprodução)

Hackers invadiram o site da prefeitura de Belo Horizonte e escreveram mensagens de protesto contra o presidente da República, Michel Temer (MDB), e a favor da greve dos caminhoneiros na manhã desta quarta-feira. Por causa da invasão, a página da PBH ficou fora do ar. 

Nas mensagens, os hackers dizem que estão "lutando em prol dos brasileiros e de um Brasil melhor para todos". Ofensas também foram direcionadas aos militares do país, além de críticas às autoridades em geral. 

A cobrança de impostos também foi alvo de críticas dos hackers. Ao fim da mensagem, eles dizem que quem se incomodou com a greve dos caminhoneiros, que tem gerado desabastecimento em vários setores no Brasil, deve "reclamar no RH".

Na imagem, é possível identificar um usuário do Twitter. No perfil, vários tuítes dão conta de que a prática se repetiu outras vezes, tendo como vítimas outros órgãos do Brasil.

 

A assessoria de imprensa da PBH confirmou a invasão pela manhã e informou que técnicos já estão trabalhando para solucionar o problema.  Até a publicação desta matéria o problema não foi resolvido. 

Site saiu do ar pela manhã e técnicos trabalham para normalizar a situação (foto: Reprodução)
Site saiu do ar pela manhã e técnicos trabalham para normalizar a situação (foto: Reprodução)
 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade