Publicidade

Estado de Minas

Temer defende diálogo e diz que direitos devem ser preservados

O presidente disse, ao discursar em evento em São Paulo, que alguns confundem diálogo com eventual leniência política


postado em 29/05/2018 10:21 / atualizado em 29/05/2018 11:19

Temer durante evento nesta terça-feira, em São Paulo(foto: AFP / NELSON ALMEIDA )
Temer durante evento nesta terça-feira, em São Paulo (foto: AFP / NELSON ALMEIDA )

No momento em que o país enfrenta o nono dia de paralisação dos caminhoneiros, o presidente da República, Michel Temer, destacou  nesta terça-feira  (29) a importância do diálogo para a democracia. Temer  disse que quando “alguns” ameaçam não querer o diálogo e parar o Brasil, é preciso exercer “a autoridade” para preservar os direitos da população.

Temer discursou, nesta terça-feira, na cerimônia de abertura do Fórum de Investimentos Brasil 2018, em São Paulo.

“O diálogo é da própria essência da política e da democracia. É, aliás, sua fortaleza. Quando alguns rejeitam o diálogo e tentam parar o Brasil, exercemos a autoridade para preservar a ordem e os direitos da população, mas antes disso, um diálogo é fundamental, leve quanto tempo levar”, disse.

Temer acrescentou ainda que alguns confundem a vocação para o diálogo com eventual leniência política e que, na verdade, é exatamente o oposto. ( Com Agência Brasil)

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade