Publicidade

Estado de Minas

Pimenta diz que vai usar propaganda eleitoral para atacar Pimentel

Pimenta disse hoje que "vai ajudar o mineiro a refletir". Segundo ele, isso significar "bater" no adversário com a denúncia de propina na Petrobras e a vinculação do petista com o ex-governador e deputado federal Newton Cardoso


postado em 08/09/2014 12:44 / atualizado em 08/09/2014 13:14

Pimenta na Veiga se reuniu hoje com gestores da Santa Casa(foto: Euler Júnior/EM/D.A Press)
Pimenta na Veiga se reuniu hoje com gestores da Santa Casa (foto: Euler Júnior/EM/D.A Press)

A menos de um mês das eleições, o candidato do PSDB ao governo de Minas, Pimenta da Veiga, disse nesta segunda-feira que vai usar o horário eleitoral gratuito para atacar o seu principal adversário na disputa eleitoral, o candidato do PT, Fernando Pimentel. Pimenta afirmou que vai continuar apresentando propostas de governo, porém acrescidas “de uma ação política”. “Que vai ajudar o mineiro a fazer uma reflexão”, disse o tucano.

Clique aqui e confira o Game das Eleições


O principal trunfo da candidatura de Pimenta é a denúncia do ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa, preso desde junho deste ano por envolvimento na Operação Lava Jato, desencadeada pela Polícia Federal, que investigou a lavagem de dinheiro para envio a bancos no exterior de cifras que giram em torno de R$ 10 bilhões. Beneficiado pela delação premiada, que é um recurso para obter o perdão judicial, Costa disse que deputados, senadores e governadores estariam envolvidos em recebimento de propinas em contratos feitos pela estatal durante o período em que ele ocupou a diretoria da empresa.

Além desse escândalo, que envolveria políticos de cinco partidos, incluindo o PT, Pimenta também disse que vai lembrar o apoio do deputado e ex-governador de Minas Newton Cardoso (PMDB) à candidatura de Pimentel.

Santa Casa

Pimenta da Veiga se reuniu na manhã desta segunda -feira com gestores da Santa Casa de Belo Horizonte. Ele prometeu manter os atuais convênios do governo mineiro com a instituição hospitalar, além de abrir crédito do Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG) para investimento e custeio do hospital.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade