Publicidade

Estado de Minas

Marcio Lacerda começa pelo Barreiro, onde perdeu nos dois turnos em 2008

Na caminhada para virar jogo, ele destaca obras executadas em seu governo


postado em 19/07/2012 06:00 / atualizado em 19/07/2012 08:53

O prefeito Marcio Lacerda (PSB), candidato à reeleição, escolheu exatamente o Barreiro, um dos maiores colégios eleitorais de BH, onde perdeu nos dois turnos em 2008, para começar a corrida de votos nas regionais. Ele fez o corpo a corpo ontem no Centro Comercial João Paulo II e almoçou no restaurante popular. No primeiro discurso como candidato, usou como munição, para atrair os eleitores, as obras executadas durante os três anos e meio em que está à frente da prefeitura. Ele ainda se defendeu de uma das principais críticas do PT à sua administração, a área social: “Tenho orgulho de dizer o que esta administração cumpriu na área social e vamos mostrar isso em detalhes muito brevemente”.

O centro comercial foi um dos primeiros locais visitados por Lacerda quando assumiu a prefeitura. Em 1º de janeiro de 2009 uma enchente deixou as lojas debaixo d’água. O prefeito lembrou o fato para conquistar os eleitores. O mote da sua campanha ontem foi: “O prefeito que resolveu o problema das enchentes”. A frase foi dita várias vezes por um animador enquanto Lacerda caminhava pelo centro. O socialista chegou ao local por volta do meio-dia acompanhado do seu companheiro de chapa, o deputado estadual Délio Malheiros (PV), e foi recebido por candidatos a vereador e militantes.

Os comerciantes aproveitaram para fazer reivindicações. Dono de loja de roupa, André Paes cobrou de Lacerda a instalação de câmeras do projeto Olho Vivo. “Ele disse que o dinheiro foi liberado e que já foi licitado”, contou André. Em outra parada, em um consultório odontológico, o prefeito reencontrou a dentista Flávia Mello. Segundo ele, o local estava cheia de lama, em dois de janeiro de 2009, quando ele foi avaliar as consequências das chuvas. A dentista disse que parte dos problemas das enchentes foi resolvida, mas ressaltou que ainda falta fazer obras no Córrego dos Camarões. “Lá tem muito lixo e o mau cheiro chega aqui”, ressaltou. O prefeito disse que conseguiu financiamento da Caixa Econômica Federal para alargar e aprofundar o canal.


Na sorveteria onde encerrou a caminhada, Lacerda e Délio tomaram suco de açaí e seguiram para o carro de som para o primeiro discurso. “A gente está aqui para pedir o apoio, o voto e a mobilização de vocês, para que a gente possa continuar o trabalho, continuar melhorando, melhorando sempre. Tem muita obra no papel, muita obra começando, muita licitação acontecendo” disse.


O prefeito almoçou no restaurante popular do Barreiro. O cardápio do dia era frango com quiabo, feijão, arroz, angu, couve e banana.


Saúde


Moradores do Barreiro ouvidos pela reportagem apontaram a saúde como o maior problema da região. A falta de médicos e o atendimento ruim foram as principais reclamações. Lacerda garantiu que mais profissionais estão sendo contratados. “Um pouquinho mais de paciência e estaremos com o quadro de médicos completo” disse, antes de acrescentar: “A parte pessoal andou bem, agora temos de investir mais, é um investimento de 300 milhões e vamos ter a melhor rede de atenção básica do país”.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade