UAI
Publicidade

Estado de Minas UBERABA

Jovem é investigado por divulgar fotos íntimas de ex-namorada adolescente

Rapaz de 18 anos chegou a ser preso pelo crime, porém pagou fiança e foi liberado. Ele enviou ao pai da garota de 16 anos vídeos de relações sexuais


18/05/2022 16:20 - atualizado 18/05/2022 17:14

Suspeito foi encaminhado à Delegacia de Plantão da PC de Uberaba e acabou liberado após pagar fiança
Suspeito foi encaminhado à Delegacia de Plantão da PC de Uberaba e acabou liberado após pagar fiança (foto: PCMG/Divulgação)

Um jovem de 18 anos foi preso em flagrante pela Polícia Militar nessa terça-feira (17/5) sob suspeita de divulgar fotos íntimas da ex-namorada, uma adolescente de 16 anos, nas redes sociais. O rapaz estava em sua residência, em Uberaba, no Triângulo Mineiro. Ele acabou solto após pagar fiança de R$ 1.212,00, equivalente a um salário mínimo.

Segundo o registro policial, o acusado tinha acesso ao Instagram da garota e compartilhou fotos dela nua. A menor tomou conhecimento por meio de mensagens de amigas.

Ainda conforme a versão da jovem à PM, o rapaz passou a fazer chantagens emocionais tão logo o relacionamento chegou ao fim. Ele teria ameaçado enviar fotos e vídeos guardadas em seu celular ao pai da jovem - o que de fato aconteceu - caso não recebesse novas imagens.

A vítima contou também que mandou aproximadamente dez fotos e 15 vídeos íntimos ao ex-namorado, pois ficou com receio de ele repassar os conteúdos antigos para o seu pai e publicá-los na internet.

Pai da jovem recebeu vídeo


Segundo a Polícia Militar, a garota relatou que o ex-namorado mostrou aos pais dela um vídeo de relações sexuais do casal. Na versão da adolescente, as imagens foram gravadas sem seu consentimento..

Acusado pagou fiança


Preso em flagrante, o rapaz de 18 anos relatou aos militares que mandou o vídeo para o pai da ex-namorada de seu próprio celular sob o argumento de que as intenções sexuais partiram dela.

Conforme a Polícia Civil, o rapaz prestou depoimento e acabou liberado mediante o pagamento de fiança de R$ 1.212,00. A corporação informou que a “investigação investigação prosseguirá para a completa elucidação dos fatos”.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade