UAI
Publicidade

Estado de Minas PANDEMIA

Com aumento de casos de sintomas gripais, Betim reforça equipe da Saúde

Na última semana, aumento nos atendimentos de sintomas gripais e respiratórios foi de 84%. Atendimentos estão direcionados às UBSs para desafogar as UPAs


07/01/2022 12:36 - atualizado 07/01/2022 17:07

Pessoas procuram atendimento em Posto de Saúde em Betim
Em Betim houve um aumento de 31% na procura por atendimento na rede de Saúde por sintomas gripais. Prefeitura reforçou atendimento nas UPAs e UBSs (foto: Prefeitura de Betim/Divulgação)
Nas últimas semanas, o aumento de 84% da procura de pessoas com sintomas gripais e respiratórios por atendimento nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) em Betim, na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH), fez com que a Prefeitura reforçasse as equipes e acionasse um plano de contingenciamento.
 
A secretaria municipal de Saúde está monitorando desde o final de 2021 a demanda nos atendimentos das unidades de saúde. Nas duas últimas semanas, de 27 de dezembro a 3 de janeiro, observou-se um aumento de 84% na procura por atendimentos de casos sintomáticos respiratórios nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs).
 
Segundo a Prefeitura de Betim, para enfrentar esse aumento na demanda, desde 31 de dezembro, o quadro de médicos e pediatras está sendo reforçado na UPA Teresópolis. E nas UPAs Teresópolis, Guanabara e Norte, ao longo desta semana também foi ampliado o número de médicos clínicos.
 
No Hospital Público Regional de Betim, a prefeitura ampliou o número de leitos clínicos respiratórios da unidade de pediatria de 10 para 28.
 
Segundo o secretário de Assistência em Saúde, Hilton Soares, o atendimento de pessoas com sintomas gripais passou – a partir desta semana – a ser priorizado nas UBS para desafogar a demanda nas UPAs.

“O reforço do atendimento faz parte do plano de contingenciamento que foi acionado pela secretaria municipal de Saúde em razão do aumento da procura nas unidades de saúde de usuários sintomáticos respiratórios. A secretaria segue monitorando a demanda nas unidades de saúde e outras ações poderão ser tomadas caso seja necessário,” afirmou Hilton Soares.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade