UAI
Publicidade

Estado de Minas BATE-CABEÇA ENTRE PREFEITURA E ESTADO

Lavras não tem previsão de quando adolescentes serão vacinados contra COVID

Adolescentes de 16 anos sem comorbidades seriam vacinados na terça-feira (5/10), mas foram surpreendidos com a suspensão da aplicação


07/10/2021 13:30 - atualizado 07/10/2021 19:23

enfermeiro prepara a aplicação de vacina contra COVID-19
A continuidade da vacinação em adolescentes de 16 anos, sem comorbidades, não tem qualquer previsão (foto: Leandro Couri/EM/D.A Press)
Atualização às 18h55 do dia 7/10/2021 : Diferentemente do que estava publicado inicialmente, é a vacinação de adolescentes de 16 anos sem comorbidades que foi interrompida por falta de doses. A população dessa faixa etária com comorbidade já foi imunizada há semanas, reforça a Prefeitura de Lavras. 
 
 
Dois dias após  serem surpreendidos com uma suspensão repentina  em Lavras, adolescentes de 16 anos, sem comorbidades, e as famílias não têm qualquer ideia de quando a vacinação contra COVID-19 será finalizada. A prefeitura da cidade do Sul de Minas alega, apenas, que as doses para essa finalidade ainda não foram enviadas pelo Governo de Minas, enquanto a gestão estadual garante que o envio foi feito.
 
“O município segue aguardando a chegada dos imunizantes para dar continuidade a imunização dos adolescentes”, argumenta a gestão municipal, em nota ( leia a íntegra abaixo ).
 
A Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), por sua vez, "esclareceu que o quantitativo de doses disponibilizadas para os municípios depende do envio de doses por parte do Ministério da Saúde (MS)". "De acordo com a Nota Informativa 52ª versão da SES-MG, foram disponibilizados até o momento o percentual de 13,8% para o atendimento de adolescentes, o que representa 64.726 doses", afirmou, por nota ( leia a íntegra abaixo ).

Portanto, enquanto os imunizantes não chegam, não há qualquer previsão para que os adolescentes sem comorbidades de 16 anos sejam vacinados na cidade do Sul de Minas. 
 

Nota da Prefeitura de Lavras

 
“O Governo do Estado ainda não enviou mais doses para esse público, e não temos previsão.
 
O município segue aguardando a chegada dos imunizantes para dar continuidade a imunização dos adolescentes.”
 

Nota da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG)

 
“A SES-MG esclarece que o quantitativo de doses disponibilizadas para os municípios depende do envio de doses por parte do Ministério da Saúde (MS). De acordo com a Nota Informativa 52ª versão da SES-MG, foram disponibilizados até o momento o percentual de 13,8% para o atendimento de adolescentes, o que representa 64.726 doses.
 
A referida nota encontra-se disponível em: 
http://vigilancia.saude.mg.gov.br/index.php/download/nota-informativa-52a-versao-vacinacao-covid-19-no-estado-de-minas-gerais-data-de-atualizacao-29-09-2021/?wpdmdl=9596
 
Com relação aos adolescentes de 12 a 17 anos de idade com comorbidades, a SES informa que já foram disponibilizadas doses da vacina contra a covid-19 para o atendimento de 100% do referido público.
 
Já no que se refere aos adolescentes de 12 a 17 anos sem comorbidades, seguem os critérios descritos na Deliberação CIB-SUS/MG Nº 3.508, de 03 de setembro de 2021:

- Iniciar a vacinação de adolescentes na faixa etária de 12 a 17 anos, exclusivamente com a vacina Pfizer/Comirnaty, de forma escalonada por faixa etária descendente, na seguinte ordem de prioridade:

a) população de 12 a 17 anos com deficiências permanentes;
b) população de 12 a 17 anos com presença de comorbidades;
c) população de 12 a 17 anos gestantes e puérperas (até 45 dias após o parto);
d) população de 12 a 17 anos privados de liberdade; e
e) população de 12 a 17 anos sem comorbidades.”


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade