UAI
Publicidade

Estado de Minas VIOLÊNCIA

Corpo de adolescente é encontrado dentro de freezer de bar em BH

Peritos encontraram respingos de sangue nas paredes e o chão parecia ter sido lavado


17/09/2021 19:39 - atualizado 17/09/2021 19:42

Moradores da Rua Júlio César Oliveira ficaram assustados com o crime
Moradores da Rua Júlio César Oliveira ficaram assustados com o crime (foto: Google maps)
Imagine você chegar para trabalhar em um bar e encontrar um corpo no freezer do estabelecimento. Isso aconteceu nesta sexta-feira (17/9) com o funcionário do bar da Rua Júlio César de Oliveira, 415, Bairro Jardim Vitória, Noroeste de Belo Horizonte. A vítima era um adolescente de 17 anos. Os principais suspeitos são os proprietários do estabelecimento, um homem de 36 anos, e sua mulher, de 38. Os dois foram presos.

 

Segundo o tenente Rafael Batista Neto, da Rota, a informação foi passada anonimamente para a PM e, quando os militares chegaram ao local, o proprietário foi receptivo. Porém, as circunstâncias encontradas fizeram com que os policiais suspeitassem do casal.

 

Ele conta que a mulher do comerciante estava no segundo andar do bar, onde encontraram vestígios de sangue nas paredes. "O proprietário mostrou onde estava o corpo, no freezer", diz. No entanto, outros vestígios de que o estabelecimento teria sido o local do crime foram encontrados. Na entrada deste, por exemplo, havia marcas de sangue e tudo indicava que o chão tinha sido lavado.

 

A estimativa dos peritos criminais que estiveram no bar é de que o crime tenha ocorrido na noite de quinta-feira (16/9). Resta descobrir as circunstâncias em que isto aconteceu. Havia marcas de bala no corpo. Os policiais civis que estiveram no local admitem que os suspeitos estão presos, no caso marido e mulher, mas que antes de formalizar a acusação é preciso a apuração de mais detalhes.

 

Existe a hipótese de que o corpo tenha sido deixado ali por outra pessoa, segundo o delegado Guilherme Catão.

 

A dor de uma mãe

 

Sabe-se que a vítima é moradora das proximidades do bar. A mãe do rapaz chegou ao local e assim que avistou o corpo do filho, desmaiou. No local, a porta do bar ficou lotada de gente, vizinhos e amigos da família. Os policiais tentam descobrir quem eram os amigos da vítima e se ele tinha envolvimento com drogas ou se tinha inimigos.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade