Publicidade

Estado de Minas A PARTIR DA PRÓXIMA SEMANA

Confira o calendário (e as normas) da volta às aulas presenciais em Itaúna

Escolas devem cumprir os protocolos definidos pela Secretaria Municipal de Educação para a segurança sanitária dos alunos e profissionais


28/07/2021 18:03 - atualizado 28/07/2021 18:35

Escola Municipal João Luz de Sousa, em Itaúna, tem retorno das aulas presenciais a partir do dia 5(foto: Prefeitura de Itaúna/Divulgação)
Escola Municipal João Luz de Sousa, em Itaúna, tem retorno das aulas presenciais a partir do dia 5 (foto: Prefeitura de Itaúna/Divulgação)
As aulas presenciais em Itaúna retornam, de forma escalonada, a partir da próxima semana. A prefeitura da cidade do Centro-Oeste mineiro prevê a volta de grupos dos dias 5 ao 31 de agosto e uma série de normas sanitárias para evitar a propagação da COVID-19.
 
Os professores das redes pública e privada de ensino de Itaúna foram vacinados contra COVID com a primeira dose em 30 de junho. E o retorno das instituições privadas só é autorizado, segundo a prefeitura, mediante a um plano de retomada detalhando todas as medidas sanitárias que serão implantadas - e devidamente aprovadas pela Vigilância Sanitária, que ainda vai vistoriar as salas. 
 
Confira todas as informações, oficializadas em decreto municipal
 

Cronograma de retorno

 
As aulas presenciais nas escolas da rede privada terão início para todas as turmas entre os dias 2 e 9 de agosto. No entanto, a rede municipal terá estudante reiniciando as lições presenciais apenas no dia 31 do mês que vem. 
 
Veja o calendário:

05 de agosto - Educação Infantil/Pré-escola (1º e 2º períodos)
19 de agosto - Educação Infantil/Creche (Maternal II e III)
23 de agosto - Educação Infantil/Creche (Berçario I e II)
23 de agosto - Ensino Fundamental Anos Iniciais (1º e 3º anos)
30 de agosto - Ensino Fundamental Anos Iniciais (2º, 4º e 5º anos)
30 de agosto - Ensino Fundamental Anos Finais (6º e 9º anos)
30 de agosto - EJA (Ensino de Jovens e Adultos)
31 de agosto - Ensino Fundamental Anos Finais (7º e 8º anos) 
 

Ensino híbrido

As instituições de ensino, tanto pública quanto privadas, vão adotar o ensino híbrido combinando aulas presenciais e online. Os pais dos alunos poderão optar entre enviar os filhos às aulas presencias ou seguir com o ensino remoto.
 

Rodízio

As escolas vão adotar sistema de rodízio para atender à necessidade de distanciamento de no mínimo dois metros entre as carteiras dos alunos e com salas de aulas com capacidade máxima de 50%. Desta forma os alunos terão dois dias de aulas presenciais e dois de ensino online em revezamento com os colegas.
 
Escolas terão que cumprir distanciamento mínimo de dois metros entre as carteiras dos alunos(foto: Prefeitura de Itaúna/Divulgação)
Escolas terão que cumprir distanciamento mínimo de dois metros entre as carteiras dos alunos (foto: Prefeitura de Itaúna/Divulgação)
 
 

Álcool em gel e máscara

 
O uso de máscara será obrigatório para todas as pessoas na escola durante todo o tempo. Aliás, o tempo máximo permitido nas escolas será de 4h30, o que impede o retorno das aulas em período integral. Caso o aluno chegue sem máscara à escola, o protocolo da Secretaria de Saúde de Itaúna prevê que a instituição de ensino forneça uma para o estudante.

Há uma exceção prevista no decreto: crianças menores de dois anos não precisam usar máscara. Além delas, somente em casos de restrição médica ao uso do equipamento de proteção individual.
 
As escolas devem disponibilizar álcool em gel na entrada e nas salas de aulas, bem como tapetes sanitizantes. Os bebedouros poderão ser utilizados somente para encher as garrafas individuais de água. Todas as instalações das escolas devem ser higienizadas antes e depois das aulas.
 

Transporte escolar e refeitórios

O protocolo prevê também regras para o transporte escolar, o funcionamento dos refeitórios e o acesso dos alunos às áreas compartilhadas. As regras se estendem para a rotina de atividades escolares, o tipo de material que pode ser usado em sala de aula e a segurança sanitária dos professores e colaboradores de todos os setores das escolas. Veja mais aqui.
 
Protocolos também determinam normas para o transporte escolar e uso de refeitório(foto: Prefeitura de Itaúna/Divulgação)
Protocolos também determinam normas para o transporte escolar e uso de refeitório (foto: Prefeitura de Itaúna/Divulgação)
 
 

Termo de responsabilidade


Para que as crianças retornem às aulas presenciais é obrigatório que os pais ou responsáveis assinem um termo de responsabilidade que deverá contemplar o respeito às medidas de prevenção à COVID-19 dentro e fora de casa.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade