Publicidade

Estado de Minas COMBATE À INFLUENZA

Vacinação contra gripe começa focando crianças, gestante e agentes de saúde

Campanha prevê que crianças, gestantes, profissionais de saúde e povos indígenas comecem ser vacinados em unidades de saúde de todo o país


12/04/2021 11:42 - atualizado 12/04/2021 13:21

No TRT-MG, a vacinação contra a gripe funciona de forma independente, com servidores da instituição pagando pela dose do imunizante (foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press)
No TRT-MG, a vacinação contra a gripe funciona de forma independente, com servidores da instituição pagando pela dose do imunizante (foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press)
Começou nesta segunda-feira (12/4), em Minas Gerais, a vacinação para crianças de até 6 anosgestantesprofissionais da saúde e povos indígenas contra o vírus influenza, causadores da gripe. A primeira etapa da 23ª edição da Campanha Nacional está prevista para acontecer até o dia 10 de maio.

A imunização deste ano contra a gripe ocorre simultaneamente à campanha de vacinação contra a COVID-19, que, em andamento desde janeiro de 2021, ainda não há prazo para sua conclusão.

recomendação dos especialistas é de que as pessoas dos grupos prioritários para proteção contra as duas doenças tomem primeiro a vacina contra o coronavírus e aguardem o prazo de 14 dias para se imunizarem contra a gripe. 

Vale lembrar que crianças e gestantes não são vacinadas contra o novo coronavírus já que os imunizantes ainda não foram testados para eles.

Segundo a Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG), em Minas a vacina contra a gripe está disponível gratuitamente nos mais de 5.000 postos de imunização distribuídos pelo estado.

Com o cartão de vacinação em mãos, e tomando os cuidados necessários para prevenção do coronavírus, os cidadãos devem procurar a unidade de saúde pública mais próxima de casa para receber a dose do imunizante.

Gestante de 12 semanas, Beatriz reforça a importância da vacina para os grupos priotirários(foto: Leandro Couri/EM/D.A Press)
Gestante de 12 semanas, Beatriz reforça a importância da vacina para os grupos priotirários (foto: Leandro Couri/EM/D.A Press)
Beatriz Guimarães Pereira Araújo é uma das gestantes que foram vacinadas nesta segunda-feira (12/4) no Centro de Saúde Palmeiras, localizado na capital mineira. Segundo ela, o atual contexto de pandemia apenas reforçou a importância de qualquer tipo de vacinação.

"A vacina é tudo, não só da gripe, mas todas as outras para proteger a mim e as pessoas à minha volta. Sabemos que a gripe, como qualquer outra doença, mata. Não posso deixar de tomar, de maneira alguma", disse Beatriz.

Vacinação por etapas


Até 9 de julho, a campanha acontecerá de forma escalonada, sendo dividida em três fases que contemplarão os grupos definidos pelo Ministério da Saúde. A meta é vacinar pelo menos 90% de cada um dos grupos prioritários. 

Confira a programação definida pelo órgão:

Primeira etapa (12/04 a 10/05)
  • Crianças de 6 meses a menores de 6 anos de idade (5 anos, 11 meses e 29 dias)
  • Gestantes e puérperas
  • Trabalhadores de saúde 
  • Povos indígenas

Segunda etapa (11/05 a 08/06)
  • Idosos com 60 anos ou mais 
  • Professores das escolas públicas e privadas

Terceira etapa (09/06 a 09/07)
  • Pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais
  • Pessoas com deficiência permanente
  • Forças de segurança e salvamento
  • Forças Armadas
  • Caminhoneiros
  • Trabalhadores de transporte coletivo rodoviário de passageiros urbano e de longo curso
  • Trabalhadores portuários
  • Funcionários do sistema prisional
  • Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas
  • População privada de liberdade.

Campanha do TRT-MG


Vacinação por meio de drive thru no TRT-MG, no Bairro Funcionários(foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press)
Vacinação por meio de drive thru no TRT-MG, no Bairro Funcionários (foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press)
Além da vacinação gratuita em centros de saúde do estado, também ocorre, em Belo Horizonte, a Campanha Anual de Vacinação contra Gripe do Tribunal Regional do Trabalho (TRT-MG). Servidores da instituição e seus familiares podem receber o imunizante pelo valor de R$78 a dose.  

A vacinação é realizada, entre os dias 12 a 15 de abril, pela clínica Vacsim através do sistema “drive thru”, na entrada do edifício-sede, na Avenida Getúlio Vargas, no Bairro Funcionários.

Segundo o TRT-MG, nesta quinta edição da campanha, são mil doses da tetravalente disponíveis para magistrados, servidores e familiares (cônjuge, pai, mãe, filhos e enteados) acima de 16 anos, mediante cadastro prévio.

A campanha também incentiva que os servidores vacinados levem cestas básicas para serem doadas à iniciativas solidárias de combate à fome. 

Fabiano, acompanhado da esposa, foi um dos contemplados com a vacina contra a gripe nesta segunda-feira (12/4)(foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press)
Fabiano, acompanhado da esposa, foi um dos contemplados com a vacina contra a gripe nesta segunda-feira (12/4) (foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press)
Junto da esposa, que é assistente judiciária no Tribunal, o advogado Fabiano André, de 45 anos, foi um dos vacinados na manhã desta segunda-feira (12/4) no ponto de imunização. O belo-horizontino acredita estar mais aliviado, não só pela proteção contra a gripe, mas também para a COVID-19.

“Nós escutamos que alguns sintomas de gripe seriam de também de COVID-19. Então, a partir do momento que com essa vacina não contraírmos a gripe, esperamos que, até psicologicamente, não haja tanta preocupação de caso sejamos infectados com o coronavírus”, afirmou Fabiano.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade