Publicidade

Estado de Minas VACINAÇÃO CONTRA A COVID-19

CoronaVac chega a Araxá e vacinação acontecerá de forma itinerante

Nesta primeira etapa de vacinação na cidade do governador Romeu Zema, 749 pessoas do grupo prioritário serão vacinadas


20/01/2021 11:40 - atualizado 20/01/2021 12:12

As doses de Araxá vieram de BH, em avião do Corpo de Bombeiros, e chegaram nesta terça-feira (19/01) no aeroporto de Uberaba(foto: Prefeitura de Uberaba/Divulgação)
As doses de Araxá vieram de BH, em avião do Corpo de Bombeiros, e chegaram nesta terça-feira (19/01) no aeroporto de Uberaba (foto: Prefeitura de Uberaba/Divulgação)
Vindas da Superintendência Regional de Saúde (SRS), em Uberaba, quase 1.500 doses da vacina contra a COVID-19 chegarão em Araxá no início da tarde desta quarta-feira (20/01) e a previsão é de que as aplicações se iniciem ainda nesta quarta de forma itinerante para parte do grupo prioritário. 
 
De acordo com informações da SRS, a macrorregião de que Araxá faz parte, que conta com outras 26 cidades, recebeu 6.840 doses da vacina. Depois de Uberaba, o maior número de pessoas que serão vacinas será em Araxá, que terá, nessa primeira etapa, 749 pessoas do grupo prioritário para serem vacinadas.

Araxá conta atualmente com oito salas de vacinação e 18 profissionais específicos para o atendimento. Mas as salas não serão utilizadas nas primeiras doses da vacina. 
 
Segundo a Secretária de Saúde da cidade, uma equipe de 12 profissionais foi criada para a vacinação in loco que será aplicada em cerca de 500 profissionais da linha de frente e para aproximadamente 200 idosos que vivem em Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPIs).
 
Por questões de segurança, a prefeitura de Araxá preferiu não divulgar o local onde as vacinas ficarão armazenadas.
 
“Nós já estamos com as equipes preparadas e após fazermos a conferência das vacinas nós iniciaremos ainda hoje (quarta, 20/01) a vacinação em Araxá. As doses não são suficientes para todas as pessoas do grupo prioritário. Então, entre esses escolhemos aplicar as primeiras doses nos profissionais de saúde que estão na linha de frente, ou seja, aqueles que atendem os suspeitos e os casos positivos da COVID-19 e também nos idosos da ILPIs”, informou a secretária de Saúde de Araxá, Diante Dutra, à TV Integração.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade