Publicidade

Estado de Minas IMUNIZAÇÃO

COVID-19: idoso de 111 anos deve ser o primeiro imunizado em Varginha

Prefeitura já definiu os locais de vacinação na cidade; profissionais podem ser contratados de maneira emergencial para o trabalho


15/01/2021 11:14 - atualizado 15/01/2021 12:10

Seu Mudinho, de 111 anos, deve ser o primeiro imunizado contra à COVID-19(foto: Varginha Online/divulgação)
Seu Mudinho, de 111 anos, deve ser o primeiro imunizado contra à COVID-19 (foto: Varginha Online/divulgação)
A Prefeitura de Varginha, no Sul de Minas, já definiu os locais de vacinação contra a COVID-19 e o primeiro idoso que deve ser imunizado na cidade: José Ferreira, que acaba de completar 111 anos, foi o escolhido.

 

Mudinho, como é conhecido, mora no Lar São Vicente de Paulo e fez aniversário no último domingo (10/1). José Ferreira foi indicado pelo secretário de saúde, Dr. Luiz Carlos Coelho. “Em reunião com a equipe técnica de imunizações, inclusive, a equipe propôs que ofereçamos ao Lar São Vicente para indicar o ‘Sr. Mudinho’ para ser o primeiro de Varginha a ser vacinado”, explica secretário.

 

De acordo com a diretoria do asilo, o idoso é o mais velho da cidade, por isso foi o indicado. "Seu" José ainda não contraiu a doença e também não sabe da indicação. “Por enquanto é uma indicação. Estamos aguardando a confirmação da prefeitura para dar a notícia”, ressalta, em nota, o Lar São Vicente de Paulo.

 

Plano de vacinação

 

Secretário de Saúde anuncia plano de vacinação (foto: Márcio Borges/divulgação)
Secretário de Saúde anuncia plano de vacinação (foto: Márcio Borges/divulgação)
A prefeitura montou o plano para o início ao processo de vacinação contra à COVID-19, caso a imunização tenha mesmo início na próxima quarta-feira (20/1) no Brasil. Mas, esse começo depende da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A decisão deve ser divulgada neste domingo (17/1).

 

Entretanto, o município se diz preparado para começar a vacinação. O primeiro lote de seringas e agulhas enviados ao Sul de Minas foram entregues pelo governador Romeu Zema, na última segunda-feira (11/1). Foram cerca de 300 mil unidades enviadas para serem distribuídas aos 50 municípios, que compõem a macrorregião de Varginha.

 

Além das seringas e agulhas, o secretário de saúde informou que a cidade possui 28 câmaras frias instaladas para a vacinação. “Usaremos a unidade central de vacinas, na policlínica central, bem como outras 16 salas de vacinas das Unidades Básicas de Saúde (UBS). Teremos uma sala de vacinas por quadrante que funcionará em horários diferenciados, a exemplo das unidades de gripe”, afirma o secretário.

 

Ainda segundo o secretário, pode ser que haja a necessidade de contratação emergencial para compor a equipe de imunização. “A prefeitura já tem proposta de edital para contratação emergencial de reserva desses”, diz.

 

COVID-19

 

O aumento de casos do novo coronavírus é expressivo na cidade. O último boletim municipal incluiu mais 163 pessoas infectadas pela COVID-19 e mais duas mortes confirmadas. No total, o município soma 3.412 casos, sendo 56 óbitos.

 

Um novo decreto restringindo diversas atividades foi publicado nessa quarta-feira (13/01). A prefeitura também prorrogou a volta das aulas presenciais para março.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade