Publicidade

Estado de Minas SENTENÇA

Jovem que matou marido da amante por R$ 50 e um celular pega 18 anos de prisão

Mulher da vítima encomendou crime para receber seguro de vida e herdar imóvel de R$ 300 mil


24/11/2020 09:06 - atualizado 24/11/2020 09:27

Samuel da Paixão, de 19 anos, era amante de Luciane. Ela encomendou o assassinato de seu marido ao jovem para receber o seguro de vida dele e herdar uma casa no valor de R$ 300 mil(foto: Jair Amaral/EM/D.A.Press)
Samuel da Paixão, de 19 anos, era amante de Luciane. Ela encomendou o assassinato de seu marido ao jovem para receber o seguro de vida dele e herdar uma casa no valor de R$ 300 mil (foto: Jair Amaral/EM/D.A.Press)
O 2º Tribunal do Júri de Belo Horizonte condenou Samuel Felipe da Paixão a 18 anos de prisão nessa segunda-feira (23). Ele matou o marido de sua amante em troca de um celular e R$ 50

A vítima, Joaniz Divino de Almeida, era casado com Luciane Araújo Silva. Apontada como mandante do crime, ela encomendou o assassinato a Samuel para ficar com o seguro de vida dele, no valor de R$ 30 mil, além de uma casa em fase final de construção erguida em Ibirité, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. O imóvel é avaliado em R$ 300 mil. 

Armadilha

De acordo com a sentença judicial, Luciane atraiu o marido para casa por volta das 10h de 2 de julho de 2019, alegando que estava passando mal e precisava ser hospitalizada. Quando Joaniz chegou à residência para socorrê-la, foi brutalmente atacado com golpes na cabeça e facadas no abdômen. O corpo dele também apresentava sinais de tortura com saco plástico na cabeça. Os pés e mãos estavam amarrados. 

Samuel foi condenado pelo júri popular por homicídio qualificado com emprego de tortura, mediante emboscada e promessa de recompensa.

De acordo com o TJMG, Luciane e outros dois comparsas também vão responder pelo crime, mas o processo foi desmembrado. Os julgamentos ainda não têm data definida. 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade