Publicidade

Estado de Minas DENGUE

Pandemia impede realização do LIRAa de Uberaba pela 2ª vez este ano

A LIRAa é uma metodologia de trabalho que ajuda a mapear os locais com altos índices de infestação do Aedes aegypti, identificando os bairros com maior proliferação do mosquito


14/10/2020 09:55 - atualizado 14/10/2020 11:07

Continuam em Uberaba as visitas domiciliares, observando as diretrizes de cuidados devido à pandemia (foto registrada antes da pandemia da COVID-19)(foto: Prefeitura de Uberaba/Divulgação)
Continuam em Uberaba as visitas domiciliares, observando as diretrizes de cuidados devido à pandemia (foto registrada antes da pandemia da COVID-19) (foto: Prefeitura de Uberaba/Divulgação)
Em Uberaba, pela segunda vez este ano o Levantamento de Índice Rápido de Infestação do Aedes aegypti (LIRAa) foi suspenso devido a pandemia de COVID-19. A primeira vez foi no mês de abril e agora a LIRAa do mês de outubro não vai ser realizado devido às medidas de enfrentamento da doença. 
 
Somente o LIRAa do mês de janeiro foi realizado este ano. Neste mês, segundo dados do Departamento Municipal de Vigilância Epidemiológica, o índice de infestação predial foi de 8,9%, o maior já registrado em Uberaba. O índice considerado aceitável pelo Ministério da Saúde é de 4%.
 
Por outro lado, segundo o último levantamento de casos de dengue na cidade (entre janeiro e final de agosto de 2020), feito pelo Departamento Municipal de Vigilância Epidemiológica, foram confirmados 356 casos positivos da doença. em todo ano passado foram 1223 registros confirmados.   

O diretor de Vigilância em Saúde da Secretaria de Saúde de Uberaba, Robert Boaventura, informou que o LIRAa foi suspenso por orientação do Ministério da Saúde. 
 
A partir dos dados do LIRAa é possível identificar os criadouros predominantes e verificar a situação de infestação no Município, além de permitir o direcionamento das ações de controle como mutirões, vistorias mais detalhadas, entre outras medidas para as áreas mais críticas.

Outras ações 

 
De acordo com a assessoria de imprensa da Prefeitura de Uberaba, continuam na cidade as visitas domiciliares, observando as diretrizes de cuidados devido à pandemia. “Além disso, o Departamento de Controle de Zoonoses e Endemias segue com as visitas aos pontos estratégicos (imóveis grandes como borracharias e ferros-velhos), bloqueio de transmissão nos casos notificados e nebulização com motofogs”. 
 
Em casos de dúvidas, denúncias e solicitações com relação à dengue em Uberaba, a população pode utilizar o Disque Dengue (3317-4660) ou o aplicativo “Uberaba contra a Dengue”.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade