Publicidade

Estado de Minas ZONA DA MATA

PRF apreende quase 50 mil litros de combustível em Juiz de Fora

Duas ocorrências foram registradas em menos de 12 horas. Segundo a polícia, elas não possuem relação entre si


01/10/2020 16:20 - atualizado 01/10/2020 16:32

As cargas, de ambas as ocorrências, foram apreendidas pela PRF(foto: Divulgação/ PRF)
As cargas, de ambas as ocorrências, foram apreendidas pela PRF (foto: Divulgação/ PRF)
A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu, em menos de 12 horas, em duas ocorrências distintas, cerca de 50 mil litros de combustível com documentação fiscal irregular. As diligências foram registradas nessa quarta-feira (30) em Juiz de Fora, na Zona da Mata mineira.

De acordo com a PRF, a primeira ocorrência surgiu durante a tarde, na BR-267, próximo ao distrito de Penido. Uma carga de 16 mil litros de etanol e gasolina, que vinha de Guarulhos (SP), foi abordada por uma equipe de policiais que fazia o patrulhamento de rotina na área. 

Ao verificar a documentação fiscal, foram constatadasirregularidades, pois o destino correto do carregamento seriam dois postos de combustíveis na Região Metropolitana da capital paulista. 

Já no final da noite, uma carreta com cerca de 30 mil litros de combustível também foi abordada por agentes da PRF no km 766 da BR-040, em Juiz de Fora. Segundo eles, o motorista do veículo transportava a carga sem a identificação externa, em uma tentativa de enganar a fiscalização. 

Ao ser abordado, o condutor da carreta apresentou notas fiscais para acobertar o transporte da mercadoria. Mas, ao analisarem os documentos os policiais chegaram a conclusão de que eles não correspondiam a carga transportada.  

A ocorrência foi encaminhada para a Secretaria de Estado da Fazenda de Minas Gerais (SEF/MG) para as demais providências.
 
As cargas das duas ocorrÊncias foram apreendidas pela PRF. 
 
*Estagiário sob supervisão da editora Liliane Corrêa


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade