Publicidade

Estado de Minas BARRAGEM DA VALE

Tragédia de Brumadinho completa 1 ano e 8 meses com 11 desaparecidos

Bombeiros permanecem na busca por vítimas do rompimento da barragem operada pela Vale, em 25 de janeiro de 2019


25/09/2020 19:02 - atualizado 25/09/2020 19:48

Letreiro da cidade é ponto de homenagem às vítimas(foto: Reprodução/Internet)
Letreiro da cidade é ponto de homenagem às vítimas (foto: Reprodução/Internet)

O rompimento da Barragem B1 da Mina Córrego do Feijão, operada pela Vale em Brumadinho, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, completa 1 ano e 8 meses nesta sexta-feira. Como em todo dia 25, a cidade se mobilizou para homenagear as 11 'joias' que permanecem desaparecidas.

Angelita, Cristiane, Juliana, Lecilda, Luís Felipe, Maria de Lurdes, Nathália, Olímpio, Renato, Tiago e Uberlândio. Nomes que foram colocados em balões de coração no letreiro da entrada do município, mais uma vez, para a cerimônia em que familiares das vítimas se reúnem.


O Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais também se solidarizou e divulgou um vídeo em atualização das buscas que foram retomadas no último dia 27, completando um mês neste domingo. A operação foi interrompida em 21 de março devido à pandemia do novo coronavírus.

Desde o rompimento, em 25 de janeiro de 2019, 259 corpos foram recuperados.

O coronel Alexandre Gomes Rodrigues, comandante das operações de buscas em Brumadinho, relembra os efeitos positivos da retomada, como a descoberta da caminhonete que estava desaparecida. “Estávamos a sua procura desde o primeiro dia do rompimento da barragem”, disse.

“Também temos tido vários encontros de segmentos ósseos corporais que ainda, infelizmente, não se concretizaram em nova identificação, mas nos mantemos firmes no propósito e com bastante fé e otimismo que encontraremos todos os que ainda não foram encontrados, dando fim a esse ciclo e levando mais tranquilidade aos familiares”, diz o militar.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade