Publicidade

Estado de Minas INCÊNDIO

Morre menina que inalou fumaça em incêndio no Triângulo

A criança de 5 anos havia sido encaminhada em estado de saúde gravíssimo para o hospital em Uberaba, após ser reanimada por massagem cardíaca realizada pelos bombeiros


22/09/2020 19:27 - atualizado 22/09/2020 21:28

A massagem cardíaca que chegou a reanimar a menina durou mais de meia hora(foto: 8º BBM/Divulgação)
A massagem cardíaca que chegou a reanimar a menina durou mais de meia hora (foto: 8º BBM/Divulgação)
Menina de 5 anos, que inalou muita fumaça durante incêndio em seu apartamento, no início da manhã desta terça-feira (22), faleceu por volta das 15h, segundo a assessoria de imprensa do Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (HC-UFTM). 
 
O incêndio começou em sofá do apartamento da criança, localizado no terceiro andar de prédio, que fica na Avenida Dr. Hélio Luiz Costa, Bairro Guanabara, em Uberaba. A equipe do 8º Batalhão de Bombeiros Militar (BBM) realizou manobras de reanimação cardiopulmonar na criança durante cerca de 40 minutos.
 
Após ser reanimada, o comandante do 8º BBM, Anderson Passos, contou que a menina foi levada em estado gravíssimo pela unidade móvel do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para UTI do HC-UFTM.  
Com relação ao incêndio, Anderson Passos declarou que os bombeiros depararam com um fogo muito alto ao chegar no apartamento, e um vizinho que tentava auxiliar com o uso de extintores. “Entramos no local e a criança estava escondida em baixo da cama por conta da fumaça e das chamas. Tinham duas crianças no interior do apartamento. A mãe conseguiu tirar o filho de 8 anos. As crianças estavam brincando, quando o garoto ateou fogo num sofá, o que ocasionou o incêndio. A mãe estava bastante assustada e um pouco confusa, não sabendo dizer com clareza com qual objeto a criança brincava”, informou Anderson Passos.

Após o controle do incêndio, praticamente todos móveis do apartamento ficaram totalmente danificados. “O prédio não tem AVCB (Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros), mas tinha extintores funcionando”, finalizou o comandante do 8º BBM. 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade