Publicidade

Estado de Minas VIOLÊNCIA

Cliente tenta entrar em loja sem máscara e é esfaqueado no Barreiro

Cliente teria tentado entrar no estabelecimento sem o uso da máscara de proteção gerando atrito com o segurança. Consumidor foi atingido por oito facadas. Funcionário também ficou ferido


19/09/2020 19:46 - atualizado 19/09/2020 20:27

Imagem da Avenida Senador Levindo Coelho, 1913(foto: Google Street View/ Reprodução)
Imagem da Avenida Senador Levindo Coelho, 1913 (foto: Google Street View/ Reprodução)
Duas pessoas ficaram feridas depois que um homem tentou entrar em uma loja sem utilizar máscara de proteção no Bairro Santa Cecília, na região do Barreiro, em Belo Horizonte. Briga ocorreu entre o segurança do estabelecimento comercial e o cliente no fim da tarde dessa sexta-feira (18).

De acordo com o registro da Polícia Militar (PM), o caso ocorreu na Avenida Senador Levindo Coelho. Por volta das 18h, os militares foram chamados nesse endereço e, ao chegarem, encontraram o cliente caído no chão com sangramento no abdômen.

O consumidor contou aos policiais que foi até a loja para comprar água oxigenada, mas foi abordado pelo segurança que impediu sua entrada porque ele não usava máscara de proteção - item obrigatório para a circulação dentro do estabelecimento. O homem disse ainda que o funcionário o ameaçou e empurrou-o para fora da loja.

O cliente teria reagido e, assim, iniciou-se uma luta corporal. Na versão do cliente, o funcionário sacou uma faca, atingindo-o com oito golpes: na barriga, nas costas,no braço e no quadril.
 
A vítima foi socorrida na Unidade de Pronto-Atendimento Diamante e, em seguida, transferida ao Hospital de Pronto-Socorro João XXIII.

A outra versão

Já o segurança alegou que estava na porta quando a o cliente entrou sem o usa da proteção. Na sua versão, ele disse que teria alertado sobre o uso obrigatório e o cliente teria tentado atingi-lo com um vidro. Em seguida, segundo o autor, a vítima teria dado-lhe um chute, derrubando-o no chão.

Assim, iniciou-se a luta corporal e o segurança confessou que usou uma faca utilizada para cortar papelão para se defender. O funcionário teve um corte no braço e na mão e foi levado para a UPA Diamante.

A faca utilizada no crime foi apreendida. As câmeras de segurança serão consultadas para esclarecer o ocorrido. Ninguém foi preso.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade