Publicidade

Estado de Minas MOVIMENTO NAS ESTRADAS

PRF registra nove mortes e 122 acidentes em Minas durante feriado

Foram registradas 471 multas por ultrapassagens proibidas. Ao mesmo tempo, quatro foram detidos por dirigir sob efeito de bebidas alcoólicas


08/09/2020 19:17 - atualizado 08/09/2020 19:41

Movimento foi intenso nas rodovias federais em Minas durante o feriado da Independência. Nove pessoas morreram(foto: Túlio Santos/EM/D.A Press)
Movimento foi intenso nas rodovias federais em Minas durante o feriado da Independência. Nove pessoas morreram (foto: Túlio Santos/EM/D.A Press)

Nove pessoas morreram nas rodovias federais que passam por Minas Gerais no feriado prolongado do Dia da Independência, entre essa sexta-feira (4) e essa segunda (7). Foram contabilizados 122 acidentes no total, além de 160 feridos. Os números são da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

 

De acordo com a PRF, quatro pessoas morreram no dia de maior movimento, a segunda-feira, quando boa parte dos viajantes retornou para casa.

 

Nessa data, foram duas colisões frontais em Governador Valadares, no Vale do Rio Doce: uma entre carro e caminhão no km 174 da BR-381, com três mortos; e outra entre veículo de passeio e motocicleta no Km 420 da BR-166, com um óbito.

  

O dia com mais acidentes foi o sábado: 42 ocorrências. Nesse dia, morreram duas pessoas. Uma delas foi atropelada no km 796 da BR-381, em São Gonçalo do Sapucaí, Sul do estado.

 

Em Ribeirão das Neves, na Grande BH, um motociclista caiu e foi a óbito após colidir contra um caminhão no km 517 da BR-040.

 

Outras duas mortes aconteceram no primeiro dia de estradas movimentadas, a sexta-feira. Colisão traseira entre caminhões matou uma pessoa no km 768 da BR-381, em Campanha, Sul do estado.

 

Já em Francisco Sá, no Norte de Minas, uma caminhonete atropelou um pedestre no Km 480 da BR-251.

 

A outra morte aconteceu nesse domingo, quando um motociclista perdeu a vida ao bater contra um animal no km 72 da BR-050, em Uberlândia, Triângulo Mineiro. 

Multas 

Além dos acidentes, a polícia registrou 471 multas por ultrapassagem proibida no período. Outras 506 autuações foram computadas por não uso de cinto de segurança: 410 contra motoristas e 96 contra passageiros. Quatro pessoas foram presas por dirigir após consumir bebidas alcoólicas. Além das detenções, 27 foram multadas por esse motivo. Houve registro, ainda, de 11 multas por não uso de cadeirinhas para crianças que deveriam ser transportadas com o equipamento. 

Rodovias mineiras

A Polícia Militar Rodoviária (PMRv) prendeu 121 motoristas em rodovias estaduais de Minas Gerais durante o feriado prolongado da Independência. Os condutores dirigiam com sintomas de embriaguez, informou a corporação. O balanço das ações foi divulgado no início da tarde desta terça-feira (8).

 

Entre os casos que chamaram a atenção está o de uma mãe que se envolveu em um acidente na MG-20, em Jaboticatubas, na Grande BH. O capotamento resultou na morte da filha dela. A motorista confessou aos policiais que havia ingerido cerveja. 

 

A Operação Sete de Setembro começou no dia 4 e ainda está em andamento nesta terça, com o objetivo de reduzir acidentes nas estradas e também para combater a criminalidade.

 

Mais de 33 mil veículos foram fiscalizados nesses últimos dias e 39.143 pessoas abordadas. As ações levaram à apreensão de 608 veículos e 23 armas de fogo, além do registro de 29 ocorrências de tráfico de drogas e 211 de posse de drogas para uso.

 

Ainda segundo a polícia, foram feitos 4.928 testes do bafômetro, que resultaram nas prisões dos 121 condutores. Oito mandados de prisão em aberto foram cumpridos.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade