Publicidade

Estado de Minas QUE SUSTO!

Vídeo: cobra-cipó pega carona em carro por cerca de 1,5 km

Locutor de rádio de Frutal, no Triângulo Mineiro, contou que transitou com o animal por cerca de 500m até parar o veículo


02/09/2020 18:50 - atualizado 02/09/2020 21:32

A cobra 'passeou' pelo teto e laterais do carro por cerca de 500 metros(foto: Johnny White/Arquivo pessoal)
A cobra 'passeou' pelo teto e laterais do carro por cerca de 500 metros (foto: Johnny White/Arquivo pessoal)
Um fato curioso ocorreu nesta quarta-feira com o locutor da Rádio 102 FM de Frutal, João Paulo Heitor Nobre, 36 anos, conhecido como Johnny White. Após transitar com o seu carro por cerca de um quilômetro, entre a rádio onde trabalha e a rotatória das avenidas JK e Goiás, Johnny percebeu a presença de uma companhia inusitada; uma cobra-cipó de cerca de 1,20m. 
 
Segundo o locutor, a cobra provavelmente entrou no carro pelo motor, quando o veículo estava estacionado ao lado de um terreno baldio. “Ao redor tem um loteamento, e ainda com muito mato. Pensei, primeiro, que fosse um galho. Minha sorte é que eu estava com o vidro fechado, porque ela saiu do motor e foi primeiro para o meu lado, poderia ter entrado pela janela”, contou. 

Antes de parar o carro, o locutor ainda conseguiu registrar a carona da cobra. Confira o vídeo:
 
 
Depois que viu a cobra ‘passeando’ pelo teto e laterais do seu carro, Johnny White transitou mais cerca de 500m e parou. “Eu parei no momento em que vi uns pedaços de madeira na calçada, peguei uma ripa e fui mexendo na cobra até ela cair. Quando ela caiu, já foi direto para um buraco no meio fio. Eu pensei em ligar para os bombeiros, mas ela desapareceu.”
 
Além do Corpo de Bombeiros, 193, a recomendação de especialistas em casos como este, quando se encontra um animal silvestre fora do seu habitat, é ligar para a Polícia Militar Ambiental, pelo 190. As duas corporações possuem agentes preparados para lidar com a situação. 
 
Sem veneno
 
A cobra-cipó não é venenosa e a coloração da maioria das espécies de assim denominadas é uma mistura de tons de verde, vermelho e laranja, com olhos amarelos e negros. Segundo o Wikipedia, "essas espécies são muito agitadas e velozes. Geralmente, fogem no momento em que são avistadas. São muito ariscas e podem morder caso impeçam sua fuga".



receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade