Publicidade

Estado de Minas EM MEIO A REJEITOS

Brumadinho: bombeiros localizam celular que pode contribuir para chegar até desaparecidos

Na noite dessa terça (1º), bombeiros haviam localizado veículo que pode ser chave para encontrar vítimas desaparecidas


02/09/2020 09:48 - atualizado 02/09/2020 14:09

Buscas seguiram madrugada adentro(foto: Divulgação/CBMMG)
Buscas seguiram madrugada adentro (foto: Divulgação/CBMMG)
Após localização de um importante veículo, as buscas em Brumadinho prosseguiram durante a madrugada desta quarta-feira (2). Os Bombeiros encontraram um telefone celular e a expectativa é de que a posição dele contribua para a análise do fluxo de lama.

 

Os Bombeiros conseguiram identificar quem era o proprietário do celular: uma vítima que já havia sido localizada. A constatação contribui na compreensão da dinâmica do fluxo de lama.

"A localização desse vestígio é fundamental, porque a partir dele conseguimos fazer uma análise perfeita do fluxo de lama. Onde ele foi encontrado, onde a vítima que era proprietária foi localizada e, assim, aumentar a probabilidade estatística e a apurácia do nosso serviço de inteligência para estimar onde estão os desaparecidos", esclareceu o porta-voz do Corpo de Bombeiros, o tenente Pedro Aihara.
 
 
 
Os Bombeiros ainda salientam a importância do veículo localizado na noite dessa terça (1º). "Existem vítimas, joias que ainda estão desaparecidas e estavam perto do veículo na hora do rompimento. Não somente as buscas avançaram, mas também todo o serviço de inteligência e de análise dos vestígios", completa Aihara.

A grossa camada de rejeitos sobre o veículo fez com que as buscas avançassem madrugada adentro, com o apoio de uma estrutra de iluminação artificial montada.
 
 
 
As buscas foram retomadas na última quinta-feira (27) após uma pausa de cinco meses em virtude da pandemia da COVID-19. O retorno só foi possível porque a corporação conseguiu aprovação do protocolo, após várias tratativas com a Secretaria de Estado de Saúde (SES) e demais órgãos envolvidos.
 
(Com informações de Gabriel Ronan) 


*Estagiário sob supervisão do subeditor Frederico Teixeira


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade